quinta-feira, 31 de outubro de 2019

Mãe e filha são internadas após ingerirem açaí envenenado em Catarina

Uma mulher e uma criança de quatro anos foram internadas nesta última quarta-feira (30),em um hospital após ingerirem açaí envenenado. O caso aconteceu no município de Catarina, no Ceará.

De acordo com a polícia, mãe e filha deram entrada em uma unidade hospitalar da região e, após serem examinadas, foram constatados os sintomas de envenenamento. Elas tiveram que ser transferidas para outro hospital, que fica na cidade de Iguatu.

Segundo informações repassadas para os policiais que atenderam à ocorrência, a adolescente que comprou o açaí, também ingeriu o alimento. A polícia não informou se ela passou mal e foi internada.

As investigações do caso estão sendo realizadas pela Delegacia Regional de Tauá, que é responsável pela localidade onde aconteceu o fato.

Com informações do G1 Ceará.

Acidente de trânsito com vítima fatal em Acopiara

Na noite desta quinta-feira,31, por volta de 20h30min, a Polícia militar foi informada via 190 sobre um acidente de trânsito no sítio Santarém distante 15km da sede.

A PM se deslocou até o local e constatou a veracidade do fato, segundo informações de populares à vítima Francisca Vanderlânia Vieira, agente de saúde, trafegava em sua moto, Honda Pop 100 Vermelha 2014/2015, quando perdeu o controle vindo a bater no meio fio, onde sofreu uma forte pancada na cabeça.


Vale ressaltar que a mesma já tinha sido socorrida por populares para o Hospital Municipal de Acopiara, a moto não se encontrava mais no local, a equipe retornou e foi informada pelo médico Plantonista que a vítima já dera entrada no Hospital sem vida, com suspeitas de traumatismo craniano, em seguida foi acionado o rabecão do IML de Iguatu para a remoção do corpo.

Condolências à família.

Contas de luz mais cara: a partir desta sexta-feira, o valor da fatura de energia vai aumentar

A conta de luz dos cearenses vai ficar mais cara a partir desta sexta-feira (1º). Isso porque a bandeira tarifária para este mês será a vermelha, ou seja, haverá um acréscimo de R$ 4 para cada 100 quilowatts-hora consumidos. No mês passado, a bandeira foi amarela e o acréscimo na conta foi de R$ 1. A informação é da Agência Nacional de Energia Elétrica.

A medida foi tomada porque novembro é o mês de início do período chuvoso nas principais bacias hidrográficas do país, mas o regime de chuvas está abaixo da média histórica. A agência explica que o cenário atual aumenta a demanda de acionamento de usinas termelétricas, cujo custo de produção é mais alto.

Os recursos pagos pelos consumidores vão para uma conta específica e depois são repassados às distribuidoras de energia para compensar o custo extra da produção de energia em períodos de seca.

Com informações do Ceará Agora.

Lei obriga SUS a fazer exames de câncer em até 30 dias

Pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS) com suspeita de câncer terão direito à realização de exames no prazo máximo de 30 dias. É o que assegura a Lei 13.896/19, sancionada pelo presidente em exercício, Hamilton Mourão, e publicada nesta quinta-feira (31) no Diário Oficial da União.

A regra entra em vigor em 180 dias. 

A nova norma altera a lei anterior de 2012, que garantia que, nos casos em que a principal hipótese diagnóstica seja a de neoplasia maligna, os exames necessários à elucidação devem ser realizados no prazo máximo de 30 dias, mediante solicitação fundamentada do médico responsável.

A lei é oriunda do Projeto de Lei da Câmara (PLC) 143/2018, aprovado no Senado no último dia 16 de outubro, sob a relatoria do senador Nelsinho Trad (PSD-MS).
TIPO DE NEOPLASIA INDEPENDE

De acordo com o parlamentar, o projeto complementa e dá real efetividade à Lei 12.732, de 2012. Segundo Trad, independentemente do tipo de neoplasia, o fator mais determinante para o desfecho favorável da terapia é o chamado estadiamento da lesão maligna, ou seja, o quão avançado está o câncer no momento do início do tratamento.

Casos mais avançados, mesmo que submetidos ao melhor e mais caro tratamento disponível, têm chance muito menor de cura ou de longa sobrevida, quando comparados aos casos detectados e tratados ainda no início

"Em resumo, o momento da detecção do câncer impacta decisivamente a sua letalidade, ou seja, o percentual de pessoas acometidas que vêm a falecer por causa da doença. Portanto, a medida impactará reduzindo a quantidade de pessoas que falecem em função do câncer, sem interferir na incidência das neoplasias malignas”, explica Nelsinho Trad.

Com informações da Agência Senado.

Servidores da Pefoce fabricam seus próprios insumos de trabalho e geram mais de 98% de economia para os cofres do Estado

191030_LABORATORIO-PEFOCE_TM03566-600x400
Segurança pública também se faz com boa gestão dos recursos aliada a práticas simples, inovadoras e sustentáveis. Seguindo exatamente esta concepção construtiva, os servidores do Laboratório de Impressão Papiloscópica (LIP) da Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce), motivados pelo espírito da sustentabilidade, passaram a produzir os seus próprios insumos a partir de matéria-prima acessível. A prática vêm gerando mais de 98% de economia aos cofres públicos do Estado. Com a produção própria, o LIP produz em grande escala 8 quilos dos pós branco e preto e 5 litros da substância ninidrina custando R$ 208,06. Essa mesma quantidade, caso fosse adquirida pelo Estado, custaria R$ 17.574,94. Este valor compraria, por exemplo, 87.500 luvas de látex (875 caixas de luvas).

A rotina de trabalho dos profissionais de papiloscopia inicia com o acionamento deles para locais de ocorrências para realizarem buscas e revelações de impressões digitais em lugares e objetos suspeitos e/ou que estejam sendo investigados pela Polícia, ou outro órgão da Justiça. Ao localizarem vestígios que identifiquem suspeitos em crimes, os servidores da Pefoce prestam uma grande colaboração para os órgãos de investigação e Segurança Pública do nosso Estado.

Contudo, para que essas perícias aconteçam são necessários instrumentos e materiais específicos, que não são tão acessíveis. Basicamente, são utilizados pós reveladores, lanternas especiais e pincéis. Destes materiais, o ‘pó revelador’ é o insumo que precisa ser reposto com uma maior frequência devido à quantidade de demandas que a Pefoce recebe. Atentando para este detalhe, Paulo Harison, profissional em papiloscopia do LIP, pesquisou métodos e substâncias que pudessem substituir o material adquirido pelo Estado.

Esta iniciativa dos servidores é bastante destacada também pela coordenação geral da Pefoce. O diretor de Planejamento e Gestão Interna (DPGI), Otávio Medeiros, ressalta que a ideia de se produzir ‘mais com menos’ é uma atitude digna de reconhecimento e que faz parte da atuação científica dos profissionais. “Os servidores que compõem os quadros da Pefoce são, acima de tudo, cientistas. Esses profissionais estão, geralmente, muito ligados à atividade de pesquisa e desenvolvimento, então, encontram soluções científicas que nos trazem tais economias, o que é uma felicidade muito grande para o órgão”, comentou.
 
Grande economia

Mesmo a Pefoce possuindo estrutura e equipamentos robustos e tecnológicos, os servidores de diversos setores pesquisam e se empenham em encontrar soluções que gerem economia para o Estado, como ressalta o diretor de Planejamento e Gestão Interna. “Em outros períodos de elevação das demandas, o que poderia aumentar o custeio do órgão para a atividade do laboratório, na realidade, essa atitude deles de produzir os insumos gera economia para que nós possamos fazer aplicações em outros setores”, ressalta.

Com o valor economizado, a Pefoce pode investir em outros suprimentos que são essenciais para a atividade pericial, como por exemplo: luvas. Uma caixa de luvas contendo 100 luvas custa R$ 19,64. Daria para adquirir 875 caixas de luvas. Esse estoque daria para ser utilizado em diversos setores da Pefoce por mais de 7 anos. 

Além do fator econômico, a prática do LIP é exemplo para outros órgãos de Polícia Científica e de Papiloscopia no País. Paulo Harison dá palestras ensinando como produzir os insumos gastando pouco. Neste ano, o servidor da Pefoce participou do Seminário Nacional de Perícia Papiloscópica e RFA, em João Pessoa (PB), expondo o resultado da experiência feita na Pefoce. Além das palestras e cursos, os profissionais do LIP são bastante requisitados no dia a dia por profissionais de outros estados que pretendem fabricar seus próprios insumos.

Enem 2019: quase 300 mil cearenses devem realizar a prova neste domingo

Neste domingo (03), milhares de estudantes realizam o Exame Nacional do Ensino Médio. O Ceará é o 2º estado do Nordeste com o maior número de inscrições, de acordo com dados do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Ao todo, foram 294.992 inscritos e o estado fica atrás apenas da Bahia. Com o dia da prova chegando, os participantes precisam ficar atentos as recomendações para não perder a prova.

Devido os diferentes fusos horários, os portões dos locais do exame vão abrir e fechar em horários diferentes em todo país. No Ceará, o horário de abertura dos portões será ao meio-dia e fechará às 13h. Após o fechamento, não será permitida a entrada de nenhum participante.

Serão aplicadas, nesse primeiro domingo, as provas de linguagens, códigos e suas tecnologias, de Ciências Humanas e suas tecnologias e a redação. Cada prova tem 45 questões, enquanto a redação deve ter entre 7 e 30 linhas. No primeiro dia, o horário máximo de término das provas será às 19h.

No local de prova, que deve ser consultado no site, o participante deverá apresentar o documento oficial e original, com foto. É obrigatório levar caneta esferográfica de tinta preta fabricada de material transparente.

O segundo dia do Enem será em 10 de novembro, com aplicação das provas de Ciências da Natureza e suas Tecnologias e Matemática e suas Tecnologias.
Mudanças

Esta é a última edição do Enem inteiramente de papel. A partir do ano que vem, a prova começa a ser aplicada, ainda em versão teste, digitalmente. Até 2026, as provas deverão ser todas feitas pelo computador. A ideia é que o exame seja aplicado mais de uma vez por ano.

Com informações do Ceará Agora.

Motorista bate a traseira de caminhão e fica preso às ferragens na BR-116, em Fortaleza

Uma colisão entre um carro e um caminhão na altura do km 11 da Rodovia BR-116, em Fortaleza, deixou o motorista do primeiro veículo preso às ferragens. A vítima, socorrida em estado grave, dirigia em alta velocidade, segundo o condutor do caminhão.

A colisão ocorreu no acostamento da rodovia, no sentido capital-interior. O motorista do caminhão, que não ficou ferido, conta que havia parado o veículo para que um companheiro de trabalho desembarcasse quando foi atingido pelo carro. Luís Gonzaga Barros afirma que o carro estava em alta velocidade. "Só vi a poeira, até me assustei", conta.

Uma guarnição do Corpo de Bombeiros fez resgate do motorista do carro. O homem de 42 anos foi retirado das ferragens por volta de 10h50 e levado para o Hospital Instituto Doutor José Frota por uma ambulância do SAMU.

Agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) estiveram no local para fazer a retirada dos veículos e a orientação do tráfego. O motorista do caminhão passou pelo teste do bafômetro e não foi penalizado.

Um congestionamento se formou após a colisão, o que ocasionou outro acidente. Uma carreta que transportava combustível e um carro colidiram, mas houve apenas danos materiais.

Com informações do G1 Ceará.

Cuidado com a saúde: Iguatu registra índice de emergência para umidade relativa do ar

O município de Iguatu, localizado na macrorregião do Sertão Central e Inhamuns, registrou a 2ª menor taxa entre os municípios brasileiros quando o assunto é umidade relativa do ar, A cidade registrou uma taxa de 11% e acende um sinal amarelo para a população, de acordo com dados da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) e Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet).

O valor extremo do Ceará ficou atrás somente do município de Planalto, localizado no Paraná, que registrou 7%. Ainda na lista do resultados mais expressivos, Tauá e Jaguaribe aparecem com 13%.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) considera como ideal a umidade do ar acima de 60%. É considerado estado de observação quando a umidade apresenta entre 31% a 40%. Quando ela fica abaixo dos 30%, classifica-se como atenção. Já entre 12% e 20% é identifica-se com estado de alerta. Por fim, abaixo disso, é considerado emergência.

Neste período do ano, já é comum que a umidade reduza em relação aos períodos de chuva do primeiro semestre, por exemplo. De acordo com o meteorologista da Funceme Raul Fritz, nesta época do ano formam-se grandes massas atmosféricas de ar seco no país, principalmente pelo seu interior.

“No Ceará, isso também acontece notadamente nas regiões distantes do litoral. Mais para o interior do estado, as massas de ar seco são mais comuns e mais intensas nesta época”, explica o pesquisador.

Previsão

Para esta quinta-feira (31), o Inmet lançou um aviso meteorológico de baixa umidade com grau de severidade de perigo para o interior da região do Nordeste, incluindo boa parte do Ceará, como o sertão, a região jaguaribana, o norte e o centro-sul do Estado.

Desemprego: mais de 12 milhões de brasileiros estão fora do mercado de trabalho

O número de pessoas desempregadas no Brasil chegou a 11,8% no trimestre encerrado em setembro, e atinge 12,5 milhões de pessoas, segundo dados divulgados nesta quinta-feira (31), pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A taxa é a mesma registrada nos três meses terminados em agosto, mas menor que os 12% registrados no trimestre terminado em junho.

Em comparação com o mesmo período de 2018, a taxa de desemprego sofreu leve redução, de 0,1 ponto percentual. Já o número de desempregados recuou em 100 mil na comparação com o mês anterior: em agosto, eram 12,6 milhões de trabalhadores brasileiros desempregados.

Os dados mostram que o desemprego segue persistente, e as vagas criadas são precárias. Na comparação com o mesmo trimestre de 2018, houve aumento de 1,5 milhão de pessoas na população ocupada, que atingiu o recorde de 93,8 milhões – mas essa alta segue sendo puxada pela informalidade, que ficou em 41,4% em setembro (mesma taxa dos três meses encerrados em agosto), e vem crescendo nos últimos anos.

Trabalho sem carteira e por conta própria

O número de trabalhadores por conta própria e sem carteira assinada permaneceram em patamar recorde da série histórica da pesquisa, iniciada em 2012. A categoria por conta própria chegou a 24,4 milhões de pessoas no trimestre encerrado em setembro, o que representa uma alta de 1,2% em relação ao mesmo período de 2018.

Enquanto, isso o número de empregados sem carteira de trabalho assinada seguiu no patamar recorde de 11,8 milhões de pessoas, o que representa um crescimento anual de 2,9%.

Já o número de trabalhadores com carteira assinada ficou em 33,1 milhões, o que segundo o IBGE representa uma estabilidade tanto na comparação com o mesmo período do ano passado como em relação ao trimestre anterior.

Com informações do Ceará Agora.

Câmara Municipal de Iguatu promove audiência pública para discutir fechamento do colégio Ruy Barbosa, instituição da Cnec

O Centro Educacional Ruy Barbosa funcionou exatos 60 anos na cidade de Iguatu. A instituição foi fundada em 5 de novembro de 1959. O colégio é integrante da Companhia Nacional de Escolas da Comunidade (Cnec) e anunciou no último dia 22 que este será o último ano letivo.

A direção da escola já se reuniu com professores, funcionários, pais e alunos, confirmando a decisão da Cnec. A decisão da Cnec obteve ampla repercussão na cidade.

Mediante o anúncio, houve um sentimento de tristeza, indignação, entre os alunos, docentes e pais. Nas redes sociais, começou um movimento de ex-estudantes contra o fechamento da escola, a venda do imóvel e a favor da guarda do acervo histórico da instituição que foi dirigida durantes décadas pelo professor, Édson Luis Cavalcante de Gouvêa.

A diretora Íris Cristina Lima, que há dois anos assumiu a direção do colégio, preferiu não gravar entrevista, mas confirmou a decisão da Cnec e mostrou certa indignação com o que ocorreu, pois disse que tentou parceria com empresários locais, buscou ampliar a matrícula, mas o fluxo de saída de alunos permaneceu. Ela lamentou a falta de apoio da comunidade local.

Quando assumiu a direção da escola, havia rumores na cidade acerca do fechamento do colégio, e houve tentativa para reverter o quadro de matriculados a cada ano mais reduzido.

Uma funcionária que pediu para não ser identificada frisou que o movimento deveria ter ocorrido no passado com apoio à instituição, matrícula de alunos. “Era evidente a quantidade de alunos que saia a cada ano”, lembrou.

O ex-prefeito, Elpídio Cavalcante, que doou uma área de terra para a construção da quadra de esporte do colégio, disse que o acervo será doado e foi contundente: “Uma escola não pode funcionar sem alunos, a escola está fechando por esse motivo”.

Atualmente, o colégio tem cerca de 170 alunos. O fechamento decorre do reduzido número de estudantes. O estabelecimento já chegou a ter mais de 1500 alunos.

A CNEC já chegou a ter mais de dez escolas no Ceará, mas hoje tem sete. Nos últimos anos, várias escolas da instituição encerraram atividades.

Depoimentos

Na manhã desta quinta-feira, 31, o clima era de tristeza entre pais e alunos. Daiane Virgínia, mãe de aluno, que faz a segunda série do Fundamental I, confirmou que as crianças estão sentindo o peso da decisão. “A gente recebeu a notícia com muita tristeza, porque existe afeto pela escola, um vínculo com essa instituição, pois alguns pais aqui estudaram também”.

O aluno Heitor do 4º ano do ensino fundamental foi incisivo: “Fiquei muito triste quando chegou essa notícia de que meu colégio ia fechar, mas algumas pessoas já sentiam que isso ia acontecer, falta de alunos, de recursos, que evidenciavam para esse problema. Estou muito triste, mas infelizmente segue a vida”. O avô dele, Francisco Luís, aposentado, lembrou que filhos estudaram no Ruy Barbosa e que “infelizmente o neto não vai continuar”.

Daniel Luciano, aluno do 3º ano, disse que a sala de aula está triste. “A gente estuda aqui desde o maternal, e essa escola é a nossa história, mas não há muito o que possa fazer”.

José Luciano de Araújo, pai de aluno e professor da rede estadual, lembrou que a geração dele foi construída no Ruy Barbosa. “Essa decisão é um desacato à Educação, há muitos profissionais formados que estudaram aqui, com destaque. Aqui é nossa história, é tudo que construímos”.

Gorete Araújo, pedagoga, disse que os filhos estudaram no colégio Ruy Barbosa, desde o ensino fundamental e destacou a proposta pedagógica da Cnec. “Iguatu está tendo um prejuízo enorme com o fechamento, além do massacre à história, e essa decisão é um desrespeito à oportunidade dos filhos dos trabalhadores, que agora fica refém às opções que têm aí no mercado”.

No site da Cnec há as seguintes informações:

Com mais de 75 anos de atuação, a Campanha Nacional de Escolas da Comunidade (CNEC), fundada pelo Professor Felipe Tiago Gomes, tornou-se uma grande rede educacional que já formou milhares de pessoas em seus diversos segmentos. Na CNEC, o aprendizado é ao longo da vida, somos uma instituição geradora do conhecimento que acredita na capacidade do ser humano de se descobrir, de se reinventar e de atuar como líder e incentivador nas diversas áreas da vida.

Números

+200

instituições pelo Brasil

19

unidades da Federação

+89 milhões de reais investidos em gratuidade em 2018

+5 mil colaboradores

Com informações do Diário do Nordeste.

Músico cearense tatua rosto de autor do hit ‘Caneta azul’ no peito

“Caneta azul, azul caneta. Caneta azul tá marcada com minhas letra. Caneta azul, azul caneta. Caneta azul tá marcada com minhas letra”.

Quem ainda não escutou essa letra deve estar a muitos dias sem abrir seu WhatsApp ou sua rede social. O novo meme do momento ganhou mais um capítulo.

Um estudante cearense, que mora no Rio Grande do Norte, resolveu fazer uma tatuagem sobre o tema. E não foi qualquer tatuagem não. Joselito Júnior tatuou o autor e cantor da música, Manoel Gomes, e duas canetas azuis no peito.

Em entrevista ao portal G1, Joselito disse que a ideia foi do seu tatuador. “Diego, tatuador, traz essa ideia de memes… E eu gosto, porque eu vejo isso como a ideia do artista poder expressar sua arte. 

Essa vida só se vive uma vez e, se você não fizer o que gosta de fazer, lamentavelmente, vai ter perdido a sua vida. Só para deixar claro também: meu objetivo nunca foi ser famoso, só gosto de tocar, sou artista”, disse.

A tatuagem durou cerca de 2h30 para ser feita.

Agradecimento

E sua tatuagem já foi vista pelo autor do hit. Manoel Gomes viu a homenagem e em rápidas palavras agradeceu e disse que quer conhecer Joselito. “Eu gostei muito. É coisa de Deus. Isso é muito importante para mim e quando eu for no estado dele, gostaria muito de conhecê-lo”, disse Manoel.

Com informações do Diário do Nordeste.

Homem cai de motocicleta na CE-060 entre Acopiara e Mombaça

Na manhã de quarta-feira, 30, por volta de 5 horas ocorreu um acidente de trânsito na CE-060, na proximidade do Sítio Monte Mó, entre Acopiara e Mombaça.

A vítima, Cícero Antônio de Souza, 39 anos, agricultor, sofreu um queda de motocicleta, e foi socorrido pelo SAMU ao hospital local com suspeita de traumatismo craniano.

De acordo com a Polícia Militar, a motocicleta foi retirada do local antes da chegada da Polícia Militar.

Manoel Gomes, autor de ‘Caneta Azul’, diz que tem mais de 21 mil músicas

Escolher 14 músicas em um universo de 21 mil composições é uma das principais missões de Manoel Gomes, o autor do hit ‘Caneta Azul’. O artista maranhense de 49 anos concedeu entrevista ao G1 e revelou que compõe desde os 15 anos. A única certeza dele é que Caneta Azul está neste próximo disco. O primeiro trabalho também teve 14 músicas, mas não teve a mesma repercussão.

Segundo Manoel Gomes, ele não teve chance ainda de acompanhar toda repercussão do fenômeno ‘Caneta Azul’ no país. Muitos artistas repercutiram o som em diferentes versões, mas dos poucos vídeos que Manoel conseguiu assistir, o de Léo Magalhães foi o que mais lhe chamou atenção.

“Eu estava trabalhando e não tive tempo de acompanhar tudo isso não. Ainda não vi quase nada. Só ouço me falarem. O primeiro vídeo que eu vi, foi o Léo Magalhães cantando e ele estava até com uma garrafa de cerveja. Aí o pessoal lá no serviço disse que a música já estava com Léo Magalhães e que agora eu iria sair até da empresa”, contou.

Mas não saiu não. Manoel disse que trabalha como vigilante e quando o sucesso começou, o patrão foi um dos primeiros a incentivá-lo. “Conversei com o patrão e ele disse que eu não ia ficar ‘amarrado’ não. Ele falou que eu podia seguir com minha carreira, que meu emprego lá estava garantido quando voltasse”, disse o cantor.

Depois do sucesso, a rotina mudou completamente. Manoel saiu da escala de trabalho em uma fazenda no município de Balsas para cumprir compromissos como artista e os shows nem começaram ainda. O momento é de encaminhar ajustes burocráticos e atender a alta demanda de entrevistas.

O tempo ficou tão curto que nem conseguiu mais voltar à escola onde praticamente tudo começou. Foi em um dia de aula normal, quando perdeu sua caneta azul, que ele reclamou da forma mais poética possível, fazendo uma música sobre o assunto. A composição é recente, não tem um mês, segundo Manoel.

“Eu resolvi fazer essa música, pois fui com minha caneta com meu nome dentro. Aí num dia de aula, a caneta sumiu e até hoje não encontrei. Resolvi então fazer uma música por conta disso. Desde que a música virou sucesso não tive mais tempo nem de voltar para escola”, disse Manoel que esteve em São Luís na quarta-feira (30) acompanhado de familiares e assessores.

Com informações do G1.

Apostador de Cascavel, no Ceará, ganha mais de R$ 1 milhão na Lotofácil

Um apostador do município de Cascavel, no interior do Ceará, irá receber o prêmio de R$ 1.208.882,32 após acertar 15 dezenas da Lotofácil. O sorteio foi realizado na noite de quarta-feira (30), no Espaço Loterias Caixa, em São Paulo.
Os números sorteados do concurso 1.884 foram: 01- 02- 03- 05- 06- 07- 08- 09- 11- 12- 14- 16- 17- 23- 25.
De acordo com a Caixa Econômica Federal, além do cearense, um apostador de Salvador também acertou 15 dezenas e irá receber a mesma premiação.

Com informações do Diário do Nordeste. 

Motorista de aplicativo é salvo pela Guarda Municipal de Fortaleza quando estava sendo assaltado

A providencial atitude de um motorista de aplicativo e a ação rápida de guardas municipais evitaram mais um assalto em Fortaleza. O guiador foi salvo de uma tentativa de roubo ao usar as luzes do farol do veículo para chamar a atenção dos agentes da Segurança Pública. O fato aconteceu no Bairro Canindezinho, na zona Sul da Capital, na noite de quarta-feira (30).

Conforme o inspetor Citó, da Guarda Municipal de Fortaleza (GMF), os agentes que atuam na Torre do Canindezinho, do Programa Municipal de Proteção Urbana (PMPU), estavam fazendo um patrulhamento de rotina na área do bairro coberta pela Torre de Vigilância do PMPU, quando perceberam que o motorista estava sinalizando e abordaram o veículo.

“Logo que o carro parou, dois casais saíram com as mãos para cima e o motorista informou que estava sendo assaltado. Então, fizemos uma revista e encontramos um simulacro (arma falsa) dentro do veículo”, relembra.

Flagrante

O condutor do carro de aplicativo (identidade preservada) informou aos guardas municipais do PMPU que duas mulheres solicitaram a corrida no bairro Aerolândia. Ao chegar no local, além das passageiras, outros dois homens também entraram no carro e, durante o percurso, anunciaram o assalto, apontando a arma falsa para a vítima.

Uma adolescente de 17 anos, uma mulher de 21 anos e dois homens com idades de 19 e 20 anos, foram encaminhados à Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA). A adolescente foi apreendida e os outros três suspeitos, autuados em flagrante pela tentativa de assalto.

Com informações do Ceará News.

Ex-presidiário é morto a tiros em rua de Fortaleza

Um ex-presidiário de 26 anos foi morto a tiros na Rua Monte Cristo, no Bairro Aerolândia, em Fortaleza, na madrugada desta quinta-feira (31).

Segundo o tenente Wellington, da Polícia Militar, um familiar da vítima informou que o homem saiu para encontrar com os amigos após chegar do trabalho. Momentos depois, a família ficou sabendo da morte. Os suspeitos fugiram.

O ex-presidiário tinha antecedentes criminais por receptação, porte ilegal de arma, assalto e porte de drogas. O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) irá investigar o caso.

Com informações do G1 Ceará.

Barbalha aguarda decisão judicial para anunciar goleiro Bruno

Trabalhando sob a ótica da ressocialização, o Barbalha Futebol Clube está prestes a anunciar a contratação do goleiro Bruno, ex-Flamengo, que cumpre pena em regime semiaberto por homicídio e sequestro. As partes chegaram a um acordo de valores e a expectativa da diretoria cearense é que o atleta assine contrato nesta sexta-feira (1º), com vínculo até o fim da próxima temporada.

O acordo depende de um aval do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJ/MG), que precisa liberar a transferência do jogador da comarca mineira de Varginha até o município de Barbalha, no Estado do Ceará, distante 2.189 km. A medida ocorre porque Bruno não tem autorização judicial para deixar a cidade, tendo cumprido nove dos 20 anos de prisão pelo assassinato da modelo Eliza Samúdio, em 2010.

O goleiro também recebeu proposta de outros times, incluindo o Madureira, do Rio de Janeiro, mas optou pelo Barbalha por uma 'dívida de gratidão' e pela ascensão ao cenário nacional. Campeão do 1º turno do Estadual de 2019, o time do Cariri tem vaga assegurada na Copa do Brasil da próxima temporada, além de ter se mantido na elite cearense.

Os torneios seriam uma garantia do pagamento dos salários, além da iminente disputa de jogos com Ceará e Fortaleza, que estão na Série A do Brasileiro. O fato do clube procurá-lo assim que a progressão da pena foi concedida é outro ponto determinante para o atleta de 34 anos.

"Nós estamos pensando no clube dentro de campo. Se fosse seu filho, você daria uma segunda chance para ele? A gente vive em um País que tem ressocialização. Aqui não tem prisão perpétua nem nada disso. No meu ponto de vista, o que ele fez é inaceitável, mas está pagando por tudo e já passou nove anos preso", declarou Lúcio Barão, presidente do time cearense.
Crise interna

A possível chegada do goleiro Bruno também surge como uma resposta da atual diretoria do Barbalha aos recentes problemas administrativos do clube. No último dia 7 de outubro, membros do Conselho Deliberativo da equipe foram afastados sob suspeita de fraude fiscal. Em nota, o mandatário Lúcio Barão afirmou que o grupo teria vendido o troféu do título da Taça Fares Lopes de 2014 por R$ 400 e forçaram o rebaixamento do time para a Série C do Estadual, em 2016, porque negligenciaram a inscrição junto à Federação Cearense de Futebol (FCF).

O objetivo da diretoria então é retomar os focos para a formação do elenco e conseguir um fortalecimento da gestão de marketing do time com a chegada do goleiro, que conquistou o Brasileirão, a Copa do Brasil e a Série B.

Caso a negociação tenha um desfecho positivo, será o 3º time defendido por Bruno desde a necessidade de cumprir pena. Em 2017, atuou cinco vezes pelo Boa Esporte, no Módulo 2 do Campeonato Mineiro, mas teve que retornar para o presídio após o Supremo Tribunal Federal (STF) expelir o Habeas Corpus.

Neste ano, o atleta assinou com o Poço de Caldas/MG, esteve em campo por 45 minutos e rescindiu vínculo por salários atrasados em outubro.

Com informações do Diário do Nordeste.

Em 2 anos, Polícia Civil do Ceará retirou mais de R$ 83 milhões em bens de criminosos

A Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) retirou mais de R$ 83 milhões em bens de criminosos, em dois anos de investigações que miram o enfraquecimento de organizações criminosas que atuam no Estado, através da desidratação financeira. O trabalho de descapitalizar o crime organizado é feito de forma integrada com a atuação de várias delegacias que contam com o apoio da Delegacia de Combate aos Crimes de Lavagem de Dinheiro, que faz parte do Departamento de Recuperação de Ativos (DRA).

Conforme relatório produzido pelo DRA, nos últimos dois anos, a Polícia Civil cearense sequestrou mais de R$ 83 milhões em bens de criminosos. Entre os bens estão 232 veículos – entre eles automóveis, motocicletas e uma aeronave –, 66 imóveis – como casas, apartamentos, pontos comerciais e terrenos –, além de valores guardados em contas bancárias, joias e pagamentos de previdência privada. Ainda conforme o DRA, os valores são oriundos de ações policiais realizadas pelas delegacias de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco), dos Crimes Contra Finanças Públicas (DCCAFP) – que deu lugar a Delegacia de Combate à Corrupção (Decor) –, além das Delegacias Regional do Crato e Municipal de Quixeramobim.

“Prender é muito pouco. Quando se trata de uma organização criminosa estruturada, verticalizada, a gente entende que o mais importante é desidratar o poderio econômico. Esse dinheiro que alimenta o crime. Queremos quebrar essa corrente porque, se eu não consigo capturar patrimônio, dentro de pouco tempo, terão pessoas que assumirão a função dos que foram presos, mas se eu descapitalizar e reter patrimônio, eu quebro o ciclo. E mesmo tendo pessoas que assumam essas posições, elas não terão capital de giro para fomentar o crime”, disse o delegado geral da PCCE, Marcus Rattacaso.

O foco é descapitalizar os grupos criminosos, tirando delas poder de financiamento das atividades. Imóveis, veículos e outros objetos são convertidos em benefício do Estado para uso prático (utilizar os veículos apreendidos como viaturas descaracterizadas, por exemplo) ou para arrecadação em leilões. O delegado geral explicou ainda que o valor arrecadado com a descapitalização pode ser usado na redução de danos, sendo investido na Polícia e em políticas de prevenção. “Após o sequestro, os bens das organizações criminosas podem ser cedidos ao Estado ou leiloados pela Justiça. No segundo caso, os valores convergem para o Fundo de Segurança Pública e Defesa Social (FSPDS)”, explicou Marcus Rattacaso.

Ostentação

O diretor do DRA, Paulo Cid, explica que os criminosos tendem a lavar o dinheiro de atividades ilícitas por meio de imóveis e veículos. “Quando o criminoso tem aquele valor, a forma mais fácil que ele vai visualizar de desfrutar aquele patrimônio ilícito é através de imóveis e móveis, onde ele tenta lavar o dinheiro”, afirma Paulo Cid. O delegado explica ainda que a preferência dos criminosos estão em veículos e imóveis de luxo.

Um dos bens sequestrados mais caro trata-se de um helicóptero utilizado nos assassinatos de dois traficantes, em Aquiraz, ocorridos em fevereiro de 2018. Três meses após as investigações sobre o fato, a aeronave se tornou parte da frota da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer), da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).

Governo autoriza a Caixa a reajustar preço das apostas das loterias; Mega-Sena custará R$ 4,50

Bilhetes para apostas nas loterias — Foto: Marcelo Brandt/G1
Foto Marcelo Brandt/G1
O Ministério da Economia autorizou a Caixa Econômica Federal a aumentar os preços das apostas das loterias no país. A Mega-Sena, que hoje custa R$ 3,50, passará a R$ 4,50, um aumento de 28,6%. O banco deverá definir a data em que os novos valores entram em vigor.

A portaria que autoriza o aumento foi publicada nesta quinta-feira (31), no Diário Oficial, e foi elaborada pela Secretaria de Avaliação, Planejamento, Energia e Loteria do ministério.

A última atualização no preço da aposta da Mega-Sena ocorreu em 2015, quando passou de R$ 2,50 para R$ 3,50.

Veja abaixo os novos valores:

Dupla-Sena: a aposta simples, ou mínima, passa de R$ 2,00 para R$ 2,50

Loteca: a aposta múltipla mínima obrigatória passa de R$ 2,00 para R$ 3,00

Loteria Federal: a portaria não faz menção se haverá mudança 

Lotofácil: a aposta simples, ou mínima, passa de R$ 2,00 para R$ 2,50

Lotogol: a aposta simples, ou mínima, passa de R$ 1,00 para R$ 1,50 

Lotomania: a aposta única passa de R$ 1,50 para R$ 2,50

Mega-Sena: a aposta simples, ou mínima, passa de R$ 3,50 para R$ 4,50

Quina: a aposta simples, ou mínima, passa de R$ 1,50 para R$ 2,00

Timemania: a aposta única passa de R$2,00 para R$ 3,00

O aumento deverá entrar em vigor num domingo ou feriado nacional, após pelo menos 3 dias de propaganda em rádio, TV, jornais e revistas e internet.

A portaria também autoriza a Caixa a, a partir de 2020, fazer reajustes sem necessidade de autorização do governo desde que o percentual seja inferior ou igual à inflação acumulada nos 12 meses desde o aumento anterior. Para reajuste superiores, o banco ainda vai precisar do aval do governo.

Mudança da premiação

De acordo com a portaria, as loterias Lotofácil e Timemania terão os valores de premiação alterados:

Lotofácil

R$ 5,00 para apostas vencedoras com acerto de 11 números

R$ 10,00 para apostas vencedoras com acerto de 12 números

R$ 25,00 para apostas vencedoras com acerto de 13 números 

Timemania 

R$ 3,00 para apostas vencedoras com acerto de 3 números

R$ 9,00 para apostas vencedoras com acerto de 4 números

R$ 7,50 para apostas vencedoras com acerto do "Time do Coração"

Com informações do G1.

Motorista de caminhão fica preso às ferragens após colisão com outro veículo, no interior do Ceará

(Foto Cláudio Régis/Arquivo Pessoal)
Um motorista de caminhão ficou preso às ferragens após o veículo que ele conduzia colidir com outro veículo no km 167 da BR-222, em Irauçuba, no interior do Ceará, na madrugada desta quinta-feira (31). De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o acidente aconteceu no sentido interior-capital e, durante o atendimento à ocorrência, a via ficou bloqueada parcialmente.

Uma equipe do Corpo de Bombeiros foi acionada para fazer a retirada do condutor. O homem, que não teve a identidade revelada, foi socorrido e levado para uma unidade hospitalar. Não foi informado o estado de saúde dele.

Ainda de acordo com os agentes, o condutor do outro veículo saiu ileso. As causas do acidente vão ser investigadas.

Com informações do G1 Ceará.

Arce fiscalizará serviços da Cagece em Catarina e Tauá

O calendário de fiscalizações de saneamento da Agência Reguladora do Estado do Ceará (Arce), referente ao mês de novembro, já está definido. Na semana que vai do dia quatro ao dia oito, os técnicos da Agência Cearense fiscalizarão os sistemas de abastecimento de água e esgotamento sanitário dos municípios de Catarina e Tauá. O objetivo dos trabalhos é avaliar o serviço prestado pela Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece).

Os técnicos da Arce sempre analisam pontos que vão do tratamento à adução e da reservação até o atendimento comercial, com a finalidade de verificar se estão em conformidade com as prescrições constantes nas leis, normas e regulamentos específicos do setor. Além disso, ao fim de cada ação, a Agência Reguladora expede relatório sobre os resultados. Ao todo, até outubro de 2019, os analistas da Arce já fiscalizaram os sistemas de saneamento de 37 localidades cearenses.

Multas aplicadas:

Em 2019, a Arce já registra 35 processos punitivos, que totalizam um valor de R$ 576.937,21 em multas aplicadas. Importante salientar que os referidos processos são passíveis de recursos pela concessionária e que a verba de todas as multas pagas é direcionada ao Fundo Estadual de Saneamento Básico – FESB, conforme dispõe o inciso II do art. 23 da Lei Complementar Estadual 162/2016.

Com informações do Blog do Diomar Araújo.

Em noite de Bergson, Ceará vence Fluminense por 2 a 0 no Castelão e se afasta do Z-4

Foto Thiago Gadelha
O Ceará venceu o Fluminense pro 2 a 0 na quarta-feira (30), na Arena Castelão, pela 29ª rodada do Brasileirão. Com gol de Bergson aos 13 minutos da 1ª etapa e de Mateus Gonçalves nos acréscimos da etapa final, o resultado ampliou a diferença entre o time de Adilson Batista da zona de rebaixamento, deixando a equipe cearense com 33 pontos (15º) na tabela de classificação.

O jogo

O 1º tempo começou com um Ceará intenso, pressionando a saída de bola tricolor com pelo menos dois atletas em cima do homem com a bola. Apesar da forte marcação, o Flu administrou bem a posse, distribuindo o jogo com Yuri, volante que substitui o suspenso Allan.

O time de Marcão projetava bastante os laterais, principalmente Caio Henrique pela esquerda, exigindo maior cobertura de Fabinho por aquele flanco num 4-4-2 do defensivo do técnico Adilson Batista.

Em uma das primeiras oportunidades de contra-atacar, Ricardinho fez belo lançamento do campo de defesa para Bergson, que ultrapassou o zagueiro Digão e bateu forte contra a meta de Muriel, aos 13 minutos, para abrir o placar no Castelão.

Minutos depois, o camisa 77 teve outra chance de marcar. O lateral esquerdo João Lucas finalizou na entrada da área para grande defesa de Muriel. Na sobra, Bergson desperdiçou, na frente do gol.

Dispoto num 4-1-4-1, o time carioca continuou tabelando com paciência na faixa central e teve muita movimentação no setor ofensivo, buscando espaços para infiltrar com Marcos Paulo pela esquerda.

Na 2ª etapa, o técnico tricolor Marcão lançou os atacantes Wellington Nem na direita e João Pedro como referência, deslocando Yony González para a ponta esquerda, sua posição habitual, onde rendeu melhor. As alterações contribuíram para Ganso, apagado no 1º tempo, participar mais pelo meio.

O Vovô caiu de produção na etapa final, sem conseguir fugir da pressão tricolor, com as entradas de Mateus Gonçalves e de Pedro Ken pouco efetivas. Aos 27 minutos, João Lucas sentou a virília e precisou ser substituído. Sem lateral esquerdo no banco, Adilson Batista optou pelo zagueiro Eduardo Brock para a posição.

Nos últimos minutos, Fluminense se lançou ao ataque em busca do empate, mas desperdiçou diversas oportunidades em frente ao gol de Diogo Silva. De acordo com o Sofascore, site especializado em estatísticas, o Tricolor carioca teve 72% de posse de bola e finalizou mais que o dobro que o Vovô, 21 contra 10, além de 599 passes certos contra 217 alvinegros.

O Alvinegro de Porangabuçu aguentou o bombardeio e, novamente, aproveitou o contra-ataque para amplicar o marcador. Dessa vez, Bergson deu bom passe para Mateus Gonçalves pela esquerda, que puxou para o meio e bateu com calma para superar Muriel. 2 a 0 para o Ceará, que saiu de campo com uma vitória que afasta ainda mais o time da zona de rebaixamento.

O próximo adversário do Ceará é o vice-líder Palmeiras, às 19h deste sábado (2), no Allianz Parque.

Com informações do Diário do Nordeste.

Homem sofre queda de moto em Acopiara e fica ferido

Na manhã desta última quarta-feira,30, por volta de 05h45min, a Polícia Militar através foi informada via telefone de emergência 190, acerca de um acidente de trânsito (queda de motocicleta) ocorrido na CE-060, mais precisamente no Sítio Monte Mó, localizado entre os municípios de Acopiara e Mombaça.

Prontamente, a composição dirigiu-se ao local e constatou a veracidade, encontrando o senhor Cicero Antônio de Souza, 39 anos; o qual foi socorrido pelo SAMU ao hospital municipal com suspeita de traumatismo craniano.

Vale salientar que o veículo foi retirado do local antes da chegada da guarnição.

No dia das bruxas, conheça a história de mulheres que ainda vivenciam as práticas da bruxaria


Sinônimo de liberdade e conexão com o natural. A bruxaria, ao contrário do que muitos pensam, ainda está presente entre nós. Esqueça a imagem da velha nariguda com verrugas que carrega uma vassoura e faz poções malignas em seu caldeirão mágico. As bruxas modernas são psicólogas, juízas, tatuadoras, professoras e até médicas. O resgate dessa manifestação "espiritual" prega um estilo de vida baseado na soberania da natureza e também no autoconhecimento.

O primeiro contato de Bianca Albano, 30, com a bruxaria aconteceu há seis anos como um método de busca pelos processos íntimos que vivenciava. "Comecei a perceber fortes movimentos de intuição internos e essa história da bruxaria começou a me chamar muito. Na época, não era tão difundido. As pessoas tinham certo pavor quando eu falava", lembra.

Do interesse vieram os estudos e as pesquisas. A cada lua cheia, a artista se reunia com um grupo de mulheres ao redor de uma fogueira para compreender os processos femininos e a relação com as fases da lua, por exemplo. "Isso alavancou meu processo de busca por mim mesma. A bruxaria nada mais é do que esse processo de me encontrar", diz.

A atração por buscar maneiras de se espiritualizar foi o que fez Bia Guedes, 32, adotar a bruxaria como um estilo de vida. "Me sentia muito atraída por pedras preciosas, que depois aprendi a diferenciar dos cristais, incensos, livros sobre ocultismo, paganismo e religiões mais antigas", conta.

Essa curiosidade de saber mais sobre religiões milenares também foi o que despertou Isadora Montenegro, 42, a praticar manifestações de resgate das mulheres como sacerdotisas da Grande Mãe, que é a ideia de Deus como uma energia feminina, além do equilíbrio entre masculino e feminino, simbolizados pela Deusa e por Deus, que se complementam. Para ela, a bruxaria é "uma ferramenta de reconexão com seu eu superior, seu poder interior".

O movimento de conexão é tão presente na vida de Isadora que se reflete, inclusive, no trabalho. Nas ilustrações e nos riscos na pele, a tatuadora coloca elementos místicos e que exaltam o sagrado feminino.

Se você ainda estiver se perguntando o que é ser uma bruxa, o que fazem essas mulheres, Bia simplifica: "ser bruxa é algo que você simplesmente é e sabe que é. Existem teorias que dizem que toda mulher nasce bruxa e pode desenvolver suas habilidades ao longo do tempo".
Feminismo

Por pregar o autoconhecimento, especialmente o feminino, a bruxaria é encarada por essas mulheres como uma ferramenta fundamental de empoderamento. Além disso, essa manifestação também traz à tona a caça às bruxas, que aconteceu na transição da Idade Média para a Idade Moderna entre os séculos XV e XVIII. O movimento foi uma perseguição das religiões protestante e católica a mulheres, acusadas de praticar magia negra por saberem manipular elementos da natureza, por exemplo, como explicam os autores Jeffrey B. Russel e Brooks Alexander no livro "História da Bruxaria". "A prática era caracterizada por reuniões de mulheres que buscavam a cura pela natureza, na época do paganismo", explica Jana Lisboa, mestra em Linguística aplicada.

Os motivos para torturar ou até para queimar essas mulheres vivas eram ordinários. Seja por não terem desejo de ser mães ou não quererem se casar, por serem detentoras de conhecimento ou trabalharem, seja até por algum desastre natural.

"Havia mudado o viés científico, era teocêntrico e passou a ser girar ao redor do conhecimento do homem, do homem masculino e não da humanidade. Para o cristianismo ter novamente poder, começaram a passar a culpa para alguém, e o bode expiatório eram as mulheres", diz Jana.

Essa ameaça vista pelo poder dominante reflete-se até hoje na posição social em que as mulheres estão colocadas. Segundo Jana, esse fenômeno é explicado pelo 'medo' que o sujeito masculino tem de ser tirado do poder. "A mulher falar o que ela quer, produzir ciências, produzir conhecimento tira o homem desse centro que ele foi colocado. Quando a mulher está no centro, outras vozes passam a ser ouvidas. O homem tem medo por isso, de não ter mais o poder".

A doutora em Linguística e escritora Tânia Dourado interliga esse movimento à misoginia, a aversão ao gênero feminino. "Esses feitiços eram atribuídos tanto a homens quanto a mulheres, mas quando a feitiçaria começa a ser atrelada ao demoníaco, ela passa a ser um atributo das mulheres".
Manifestações

Essas práticas são incorporadas por essas bruxas modernas a partir do uso de elementos da natureza para promover a purificação do corpo ou a proteção de casa. Bianca conta que suas vivências são todas ritualizadas e fazem parte do dia a dia. "Eu mesma corto o meu cabelo e enterro, por exemplo. A relação com o sangue menstrual, pra mim, é portal de autoconhecimento", conta.

Acompanhar os ciclos da natureza, os ciclos lunares e saber a melhor fase para coisas específicas, como plantar, colher, iniciar algo novo são alguns dos rituais que Isadora realiza. Além do uso de ervas e cristais para limpezas, chás e meditações.

Bia também extrai desses elementos energias positivas para alcançar o equilíbrio e afastar doenças. "Existe uma ética muito forte de não fazer nada em nome de alguém sem consentimento prévio, não machucar ninguém no caminho para manifestação de algo e entender o equilíbrio entre energias positivas e negativas", explica.

O Dia das Bruxas, comemorado mundialmente neste dia 31 de outubro, é uma celebração, para essas mulheres, da abundância da colheita derivado do Samhain da cultura pagã que, ao contrário do que é de conhecimento comum, não cultua o mal e sim o vínculo com a essência do Universo.

Relembrar a história dessas mulheres que somente queriam manifestar vontades, anseios e poder ser donas de si é também contar nossos próprios enredos.

"Se ser bruxa é ter conhecimento, se conhecer, querer o próprio prazer sexual, então eu sou bruxa", finaliza Jana.

Com informações do Diário do Nordeste.

Mega-Sena: prêmio acumula em R$ 40 milhões

Ninguém acertou o prêmio principal da Mega-Sena e o prêmio estimado pela Caixa Econômica Federal para o próximo concurso é R$ 40 milhões.

As dezenas do concurso 2.203, sorteadas nesta última quarta-feira (30), no Espaço Loterias Caixa, em São Paulo, foram as seguintes: 17 – 34 – 46 – 49 – 50 – 57.

A quina saiu para 57 apostas e cada uma vai pagar R$ 49.414,01. A quadra teve 4.811 ganhadores. Eles vão receber, cada um, R$ 836,35.

O concurso 2.204 será realizado na próxima segunda-feira (4), em virtude do feriado do dia 2 de outubro. As apostas podem ser feitas até as 19h do dia do sorteio em qualquer casa lotérica credenciada pela Caixa, em todo o país. O bilhete simples, com seis dezenas marcadas, custa R$ 3,50.

Produção de velas cresce 40% em Juazeiro do Norte na véspera do Dia de Finados

Foto Isaac Macêdo/TV Verdes Mares
No Dia de Finados, acender vela para homenagear quem já morreu é uma tradição seguida por cristãos de todo o mundo. Em Juazeiro do Norte, no Cariri, esse costume aquece a economia das fábricas de velas.

A produção para o período, que em alguns casos começou com dois meses de antecedência, chegou a ultrapassar a expectativa dos proprietários. A cidade também vive o clima de romaria de finados, com uma estimativa de 400 mil visitantes durante os cinco dias de programação da igreja católica.

“Naturalmente, nós produzimos uma médica de 700 mil velas para serem distribuídas em mais de quarenta cidades de dois estados, o Pernambuco e o Ceará. Mas, por conta do dia de finados e da romaria em Juazeiro do Norte, a produção chegou a um milhão de velas”, conta Vanderlei Firmo, proprietário de um a das fábricas da cidade.

A demanda cresceu além do esperado. “Nós prevíamos um aumento de 30%, mas chegou a 40%”, finalizou.

As apostas para que os pedidos crescessem foram a qualidade do produto, feito com parafina pura, e nas inovações. Este ano, a grande novidade é a vela no formado do padre Cícero, fundador de Juazeiro do Norte.
 
Demanda e oportunidade

Com uma produção além do esperado, as oportunidades de emprego aumentaram na região do Cariri. Novos postos de trabalho foram criados para atender a demanda. “Até o final de agosto, nós tínhamos 11 funcionários aqui na fábrica, mas foi preciso aumentar o nosso quadro. Agora, temos 14 colaboradores”, revelou Helena Neves, que trabalha como auxiliar administrativo da empresa.

Um dos novos contratados foi o Ronaldo. Ele trabalhava apenas como motorista de aplicativo e agora conseguiu aumentar a renda de casa. “Eu já cheguei a trabalhar nesse ramo. Ainda continuo como autônomo, mas não pude desperdiçar essa chance de voltar ao mercado”, disse o embalador. 

Com informações do G1 Ceará. 

quarta-feira, 30 de outubro de 2019

Campeonato Brasileiro: Fortaleza vence o Avaí, sobe duas posições e entra na zona da Sul-Americana

Em duelo de leões, no estádio Ressacada, Avaí e Fortaleza se enfrentaram, na noite desta quarta-feira (30), pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro. Paulão, Romarinho e Wellington Paulista marcaram para o tricolor. Vinícius Araújo fez para os donos da casa.

Assim como o jogo de ida, na Arena Castelão, o confronto em Florianópolis terminou com a vitória do Leão do Pici. Resultado fez a equipe comandada pelo técnico Rogério Ceni subir para a 12ª posição, com 35 pontos, e entrar na zona de classificação para Sul-americana 2020.

Com o resultado, o Fortaleza chegou aos 35 pontos e subiu para a 12ª posição, zona de classificação para a Sul-americana 2020. O Tricolor do Pici recebe o Atlético-MG, no sábado (2), às 17h, na Arena Castelão, pela 30ª rodada da Série A do Brasileirão.

Com informações do Diário do Nordeste.

Mega-Sena acumula e prêmio vai a R$ 40 milhões; veja dezenas

Ninguém acertou as seis dezenas do concurso 2.203, realizado na noite desta quarta (30) em São Paulo (SP). O prêmio acumulou.

As dezenas sorteadas foram: 17 - 34 - 46 - 49 - 50 - 57.

A quina teve 57 apostas ganhadoras; cada uma receberá R$ 49.414,01. Outras 4.811 apostas acertaram a quadra; cada uma ganhará R$ 836,35.

O próximo concurso (2.204) será no sábado (2). O prêmio é estimado em R$ 40 milhões.

Para apostar na Mega-Sena

As apostas podem ser feitas até as 19h (de Brasília) do dia do sorteio, em qualquer lotérica do país ou pela internet. A aposta mínima custa R$ 3,50.

Com informações do G1.

Prefeito de Acopiara Antônio Almeida fala sobre dívida deixada pela gestão passada

O Prefeito de Acopiara Antônio Almeida usou sua página no facebook, nesta quarta-feira  (30), para falar sobre as dívidas deixadas pela gestão passada, o que tem dificultado muito sua administração. 

Vejam:

"Amigos e amigas,

Todos sabem que as administrações públicas vêm enfrentando uma série de dificuldades financeiras que comprometem e engessam serviços e o andamento de obras e projetos.

Em Acopiara não tem sido diferente. Aliada a essa questão, recentemente fomos surpreendidos com uma dívida de mais de cinco milhões de reais de precatórios devidos aos servidores municipais que a gestão anterior nos deixou como herança.

Essa dívida implicou no bloqueio de recursos da Prefeitura no valor de R$ 1.425.000,00 e ao mesmo tempo tivemos que firmar um acordo com a Justiça do Trabalho no intuito de parcelar o montante restante em 30 parcelas de R$ 130.000,00.

A mentira jamais vai se sobressaí, a verdade sempre prevalecerá!"

Danniel Oliveira destaca entrega de novas ambulâncias do SAMU, ainda com recursos de Eunício Oliveira; Catarina foi contemplada

Em pronunciamento realizado na terça-feira, 29, o deputado estadual Danniel Oliveira destacou a atuação do ex-senador Eunício Oliveira por ter articulado recursos que até hoje beneficiam o Ceará. 

Segundo o parlamentar, foram com esses recursos que o Estado pôde adquirir as 67 novas ambulâncias do SAMU, entregues hoje pelo governador Camilo Santana. “Ainda estamos colhendo alguns dos frutos deixados pelo nosso senador Eunício Oliveira, que muito deixa saudade, principalmente na alocação de recursos para o Ceará”, disse Danniel.

Os novos equipamentos contemplam um total de 60 municípios. O deputado participou do evento, onde entregou a chave das ambulâncias para as lideranças de alguns dos seus municípios aliados, como o prefeito de Lavras da Mangabeira, Ildsser Alendar, o prefeito de Guaraciaba do Norte, Adail Machado, e o prefeito de Santa Quitéria, Tomás Figueiredo. “Também foram contempladas as cidades de Catarina, Barbalha, Tamboril, entre muitas outras que estão sendo beneficiadas com esse importante equipamento de saúde, que tanto vai ajudar a nossa população”, comemorou o parlamentar.

Com informações do Blog do Diomar Araújo.

Governo do Estado irá monitorar possíveis contaminações de pescados no Ceará

O Governo do Estado irá realizar monitoramento diário de amostra de pescados do litoral cearense para verificar a presença de óleo na produção. A medida, aprovada pela Casa Civil, acata recomendação do Sindicato das Indústrias de Frio e Pesca no Estado do Ceará (Sindifrio).

Cadu Vilaça, membro do sindicato e diretor técnico do Coletivo Nacional da Pesca e Aquicultura (Conepe), revela que, por conta da repercussão da contaminação por óleo, tem-se espalhado muitos boatos. "Esse assunto está demasiadamente alarmado e isso acaba exponenciado. De repente, começa a mostrar os peixes cheios de óleo, uma realidade que não corresponde. Não registramos nenhum problema com o nosso pescado", frisa.

Ele ressalta que muitos comerciantes já têm sentido redução nas vendas por medo de contaminação que não foi comprovada. "Por isso, solicitamos laudos técnicos que comprovem o nosso argumento de que não há nenhuma contaminação no pescado comercializado pelas indústrias fiscalizadas. É uma medida preventiva", destaca Vilaça.

O diretor técnico do Conepe ainda lembra que é dever do poder público realizar o monitoramento para dar segurança à população. "Se aparecer alguma amostragem com problema, que ela seja igualmente noticiada. Simplesmente mandar evitar o consumo sem um embasamento técnico não faz sentido nenhum, e é o que a gente tem escutado", dispara.

Com informações do Diário do Nordeste.