terça-feira, 30 de junho de 2020

"Lockdown" é prorrogado em Iguatu

Decreto municipal nº 49, divulgado nesta terça-feira (30), prorroga o isolamento social rígido "lockdown" até o dia 5 de julho.

Supermercados, hipermercados e congêneres vão funcionar nos dias 01 (quarta-feira) e 03 (sexta-feira) apenas no período compreendido de 14h às 22h. Nos demais dias só por delivery.

Os estabelecimentos bancários, lotéricas e correspondentes estão autorizados a funcionar com atendimento ao púbico nos dias 01 e 03 de julho de 2020, no horário habitual de funcionamento, garantido o expediente interno no dia 02 de julho de 2020.

Os demais estabelecimentos comerciais continuam fechados, ou seja, de acordo com decreto anterior. 

Ceará passa de 86 mil pessoas recuperadas do coronavirus

O Ceará ultrapassou os 110 mil casos confirmados da Covid-19, conforme dados da plataforma IntegraSUS atualizados às 15h02 desta terça-feira (30). Com 110.483 diagnosticados positivos no estado, o número de mortes pela doença é 6.146. 

O IntegraSUS indica que 86.094 pacientes já se recuperaram da Covid-19 no estado. 63.122 casos são apontados como suspeitos, em investigação.

Já foram realizados 272.785 testes para detectar o Sars-CoV-2 no Ceará.

Com informações do G1 Ceará.

Iguatu registra 30 mortes por coronavirus; número de casos confirmados chega a 873

Dados divulgados na noite desta terça-feira (30) registram 873 casos de Covid-19 no município de Iguatu, com 30 óbitos. Na noite de segunda-feira (29), o número de infectados era de 845 casos, um aumento em 24 horas de 28 casos.

Do total de confirmados, 591 pacientes já foram curados (67,7%). Há ainda 238 pacientes em tratamento domiciliar, 8 internações clínicas e 6 pessoas estão se tratando em UTI.

Existe ainda 813 pessoas com suspeita da doença. A taxa de letalidade é de 3,6%.

A taxa de ocupação dos leitos de UTI é de 65%, ou seja, dos 20 leitos disponíveis, 13 estão ocupados por pacientes em estado grave.

Brasil registra 1.280 óbitos por coronavirus nas últimas 24 horas

Foto Alex Pazuello/Fotos Públicas
A atualização do Ministério da Saúde desta terça-feira (30), mostra que o Brasil registrou 1.280 óbitos por covid-19 nas últimas 24 horas, totalizando 59.594. A marca de hoje representa um aumento de 2,1% em relação ao balanço de ontem (29), quando foram contabilizados 58.314 óbitos em função da covid-19. Ainda há 3.950 mortes em investigação.

A taxa de letalidade (número de mortes pelo total de casos) ficou em 4,3%. A mortalidade (quantidade de óbitos por 100 mil habitantes) atingiu 28,4. 

O levantamento do Ministério da Saúde mostra também 33.486 novos casos confirmados da doença, atingindo 1.402.041 casos acumulados de covid-19 em todo o país, um aumento de 2,4%, se comparado com os dados de ontem. Com isso, a incidência dos casos de covid-19 por 100 mil habitantes subiu para 667,2. 

O balanço aponta ainda que 552.407 pacientes estão em observação, enquanto o total de recuperados desde o início da pandemia é de 790.040.

Geralmente, o número de novos registros de óbitos e casos confirmados de covid-19 é menor aos sábados, domingos e segundas-feiras devido à dificuldade de as secretarias estaduais alimentarem o banco de dados com as notificações. Já às terças-feiras, os números são maiores em razão do acúmulo de notificações dos dias anteriores. 

Covid-19 nos estados

Os estados com mais mortes em função da pandemia: São Paulo (14.763), Rio de Janeiro (10.080), Ceará (6.146), Pará (4.920) e Pernambuco (4.829). As unidades da Federação com menos óbitos: Mato Grosso do Sul (46), Tocantins (200), Roraima (283), Santa Catarina (341) e Acre (365).

Com informações da Agência Brasil.

Governo anuncia ampliação de leitos em 34 cidades cearenses

O governador do Ceará, Camilo Santana, anunciou nesta terça-feira (30), que 34 municípios cearenses terão os leitos para o tratamento exclusivo dos casos de Covid-19. A informação foi confirmada durante transmissão ao vivo pelas redes sociais. Não há, no entanto, confirmação de quantos leitos de enfermaria e UTI serão criados em cada cidade. 

Entre os municípios escolhidos pelo Governo estão Canindé, Crateús, Mombaça, Campo Sales, Santa Quitéria, Aracati e outros. Mas Camilo destacou também a ampliação de leitos de enfermaria e UTI na região do Cariri.

"Já criamos 89 leitos exclusivos para o atendimento para covid-19 e vamos ampliar mais 79 novos leitos na Região do Cariri. Enviamos respiradores para lá e teremos novos leitos. São 49 novos leitos em Juazeiro do Norte, e teremos novos leitos em Barbalha e Brejo Santo", disse o governador.

Camilo aproveitou para reforçar a importância das medidas de isolamento social para evitar a propagação do novo coronavírus no Estado. E voltou a mencionar que o avanço do plano de reabertura da economia está diretamente relacionado à melhora dos índices de contaminação, internações e óbitos causados pelo coronavírus.

"Não voltamos à normalidade, então é preciso que as pessoas respeitem os protocolos de saúde, até porque o avanço do plano de retomada do Estado dependerá dos números da saúde. É importante lembrar que Fortaleza só avançará se tivermos melhora nos números. É importante evitar aglomerações", disse Camilo.

O Ceará é um dos estados mais afetados pela pandemia de coronavírus no Brasil, com mais de seis mil óbitos e mais de 110 mil pessoas infectadas.

Com informações do G1 Ceará.

Sobe para 18 o número de mortes por coronavírus em Acopiara; casos confirmados chegam a 242

Mais uma morte em decorrência do novo coronavírus foi confirmada pela Secretaria de Saúde do município de Acopiara, na noite desta terça-feira (30).

De acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela pasta, 242 pessoas contraíram a doença. Veja os dados:

Covid-19 em Acopiara

242 casos confirmados

163 recuperados

18 mortes

Auxílio emergencial terá mais duas parcelas de R$ 600, anuncia Governo Federal

Foto Agência Brasil
O Governo Federal anunciou a prorrogação do auxílio emergencial, em evento na tarde desta terça-feira (30), no Palácio do Planalto, com a presença de ministros e do presidente Jair Bolsonaro. Serão pagas aos brasileiros mais duas parcelas de R$ 600 (R$ 1.200 para famílias chefiadas por mulheres). Cada parcela terá impacto de R$ 50 bilhões nas contas públicas.

As duas parcelas do benefício elevarão o déficit público de 2020 em 1,5 ponto percentual, para 11,5% do Produto Interno Bruto (PIB).

O auxílio emergencial está na terceira fase de pagamento. Há, entretanto, beneficiários aprovados em outros lotes que ainda estão recebendo as primeiras parcelas. O pagamento da segunda parcela para o terceiro lote de aprovados no auxílio, por exemplo, ainda não foi definido pelo Governo Federal.

O auxílio é destinado aos trabalhadores informais, microempreendedores individuais, autônomos e desempregados diante dos impactos econômicos provocados pela pandemia do coronavírus.

"Estendemos por, oficialmente, mais dois meses de R$600, isso é o que a lei permite. Se nós tivermos percepção da possível duração um pouco mais extensa dessa crise, nós podemos fazer de uma forma que cubra mais três meses", explica Paulo Guedes.

Com informações do Diário do Nordeste.

Pandemia da bala: Ceará registra 13 assassinatos em 24 horas da segunda-feira

Treze pessoas foram assassinadas no Ceará nas últimas 24 horas, elevando para 360 o número de Crimes Violentos, Letais e Intencionais (CVLIs) neste mês de junho de 2020, e para 2.310 os homicídios em seis meses no estado. Nesta última segunda-feira (29), 10 pessoas acabaram sendo assassinadas no interior e outras três na Grande Fortaleza.

Na Capital, ocorreram dois assassinatos. Um deles aconteceu no começo da noite de ontem, quando um homem foi morto, a tiros, no Condomínio Cidade Jardim Dois, no bairro José Walter. A vítima, identificada como Célio Roberto Lima do Nascimento, 39 anos, foi morta com vários tiros à queima-roupa quando saía de casa.

Também ontem, um crime de morte ocorreu no bairro Canindezinho. Um homem identificado como Marciano Santos da Silva, 28 anos, trafegava em sua motocicleta quando foi atacado por desconhecidos e morto com vários tiros.

Na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), dois crimes foram registrados nas últimas 24 horas. O corpo de um homem foi encontrado com vários ferimentos a tiros em um matagal no bairro Genipabu, na cidade de Caucaia. No Eusébio, um bandido identificado como Otávio Rodrigues Bastos, 29, tombou numa troca de tiros com policiais do CPRaio.

Sertão violento

Nove pessoas foram assassinadas no Interior nas últimas 24 horas, com destaque para o Município de Juazeiro do Norte que registrou, ao menos, quatro mortes violentas. Entre os casos, um episódio de intervenção policial. Dois suspeitos de crimes, identificados como David Lima da Silva, 22 anos; e Francisco Wescley Vieira da Silva, morreram numa troca de tiros com policiais militares, no bairro Frei Damião. O caso aconteceu na madrugada de ontem.

À noite, mais duas pessoas foram mortas em Juazeiro. Cícero Geraldo da Silva Neto, 43 anos; e o adolescente Giovanne dos Santos Lima, 16 anos, foram assassinatos no bairro Tiradentes.

Além de quatro crimes de morte em Juazeiro, ocorreram mais cinco homicídios nos seguintes Municípios: Canindé (duplo), Acaraú, Santana do Acaraú e Paramoti.

Com informações do Ceará News.

Ceará ultrapassa 110 mil casos confirmados de coronavirus, com 6.146 óbitos pela doença

O Ceará ultrapassou os 110 mil casos confirmados da Covid-19, conforme dados da plataforma IntegraSUS atualizados às 15h02 desta terça-feira (30). Com 110.483 diagnosticados positivos no estado, o número de mortes pela doença é 6.146. Nesta última segunda (29), o Ceará ultrapassou os 6 mil óbitos por complicações do novo coronavírus.

Na última quinta-feira (25), o Ceará ultrapassou os 100 mil casos, com registros confirmados em todos os 184 municípios. Houve o primeiro diagnóstico confirmado de um residente da cidade de Granjeiro, no sul do Estado, única que ainda não havia registrado infectados. Fortaleza lidera os índices da doença e tem 35.313 diagnósticos positivos e 3.288 óbitos pela doença.

O IntegraSUS indica que 86.094 pacientes já se recuperaram da Covid-19 no estado. 63.122 casos são apontados como suspeitos, em investigação. Já foram realizados 272.785 testes para detectar o Sars-CoV-2 no Ceará.

Com informações do G1 Ceará.

Presidentes do Ceará, do Fortaleza e de outros clubes da Série A se reúnem com Bolsonaro

Foto André Sica (Twitter)
Os presidentes do Ceará, Robinson de Castro, e do Fortaleza, Marcelo Paz, se reuniram na manhã desta terça-feira (30), em Brasília, com o presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), juntamente com representantes de outros seis clubes: Palmeiras, Santos, Athletico/PR, Internacional, Coritiba e Bahia.

O grupo é o mesmo que detém contrato de transmissões da Série A com a empresa Turner para exibições dos jogos em TV fechada. Segundo o advogado André Sica, que também esteve no encontro, a pauta da reunião foi a Medida Provisória 984 (MP 984), que, em resumo, dá direitos de transmissão para o clube mandante das partidas de futebol. No entanto, há um litígio entre os times participantes da reunião de hoje com a Turner, que pretende rescindir os contratos sem pagamento de multa.

Os clubes afirmam que a rescisão do contrato ocorreria em um momento financeiro difícil por causa da pandemia do coronavírus, que paralisou o calendário do futebol - só o Campeonato Carioca foi retomado.

Os dirigentes também pediram o apoio de Bolsonaro ao projeto de Lei 3.832, que altera a Lei da TV Paga para que possam atuar na produção de conteúdo esportivo. O presidente disse que vai acompanhar a tramitação, mas não se comprometeu com o tema.

Nesta terça (30), o grupo se reúne com os presidentes da Câmara, Rodrigo Maia, e do Senado, Davi Alcolumbre.

Com informações do Diário do Nordeste.

Quixadá confirma a 50ª morte por coronavirus e se aproxima da marca de 2.200 casos

A Secretaria de Saúde de Quixadá confirmou que o município registrou nesta última segunda-feira (29), a 50º morte em decorrência do novo coronavírus.

De acordo com o boletim epidemiológico divulgado na noite de segunda-feira, o número de casos confirmados chegou a 2.189, com 1.754 pacientes recuperados, 385 em monitoramento, sendo 370 em isolamento domiciliar e 15 internados. Outros dois pacientes seguem aguardando o resultado de seus exames e 2.315 casos foram descartados.

O Campo Velho continua sendo o bairro com maior incidência da doença com 237 infectados, seguido do Campo Novo com 204 e o Alto São Francisco com 199 casos.

Com informações do Monólitos Post.

Prefeitura de Acopiara instala totens de álcool em gel em locais estratégicos do Município

A prefeitura municipal de Acopiara, por meio da secretaria da saúde, fez a instalação de vários totens-higienizadores de álcool em gel nas repartições públicas na manhã desta terça-feira (30).

A aquisição dos totens com dispensar de álcool em gel, com pedal, tem o objetivo de ajudar na higiene das mãos e no enfrentamento ao coronavírus.

Os equipamentos foram instalados nos espaços públicos, como Secretaria da Saúde, Hospital Municipal, Praça da Farias Brito, Rua Marechal Deodoro e Praça da Matriz. 
Os equipamentos vão auxiliar na higienização da população que busca atendimento no serviço público e que trafegam por esses locais, garantindo a segurança do cidadão e dos servidores públicos e reduzindo a possibilidade de contaminação e transmissão do coronavírus.

Com 120 leitos, hospital de campanha de Juazeiro do Norte será entregue no início de julho

Foto Elizângela Santos

O Hospital de campanha de Juazeiro do Norte será montado até a próxima sexta-feira (03), segundo a Secretaria de Saúde do Município. O equipamento, que está sendo instalado no Ginásio Poliesportivo, inicialmente previa 80 leitos clínicos exclusivos para tratamento da Covid-19, mas agora terá 120 vagas.

A ampliação se dá por conta da desativação dos leitos dedicados à pacientes com Covid-19 no Hospital Maternidade São Lucas, que atenderá outras demandas de saúde. Os pacientes com o novo coronavírus serão centralizados no Hospital de Campanha e também na Unidade de Combate ao Covid-19, instalado no prédio da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Lagoa Seca, que conta com 30 leitos.

Nesta terça (30), foi iniciada a instalação de aparelhos de ar-condicionado e das camas. Ontem, o espaço recebeu a visita do secretário de Saúde do Estado, Carlos Roberto Martins Rodrigues, o Dr. Cabeto.

Atraso

A montagem do Hospital de Campanha de Juazeiro do Norte foi iniciada no último dia 6 de junho, com expectativa de ser entregue na semana seguinte. Porém, o prazo não foi cumprido. Nossa equipe de reportagem entrou em contato com a Secretaria de Saúde do Município para explicar o porquê desta demora, mas até a publicação desta matéria não tivemos retorno.

O Ginásio Poliesportivo foi escolhido de forma estratégica para a montagem da unidade, já que é vizinho ao Hospital Regional do Cariri (HRC), onde estão sendo encaminhados os pacientes mais graves com a doença.

A terra do Padre Cícero está com 2.847 casos confirmados da doença. Até agora, já registrou 81 óbitos. Ao lado de Sobral, Iguatu, Crato, Barbalha, Brejo Santo e Tianguá, o Município está sob isolamento social mais rígido a partir de decreto estadual.

Com informações do Diário do Nordeste.

Válvula dispersora do Açude Orós tem vazão ampliada

A Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh) aumentou a quantidade de água liberada pela válvula dispersora do Açude Orós de 300 litros por segundo para 1.400. A medida visa garantir o abastecimento das comunidades localizadas abaixo do reservatório.

O gerente regional da Cogerh em Iguatu, Anatarino Torres, explicou a necessidade da ampliação da oferta de água. “Nos precisamos perenizar quase 100 km de leito do rio Jaguaribe até chegar à captação de água para o abastecimento da cidade de Jaguaretama e também Jaguaribe, a localidade de Mapuá, Cruzeirinho e a cidade de Pereiro”, explicou.

Anatarito Torres explicou que, até então, a válvula estava aberta com vazão mínima. “Desde fevereiro passado que a válvula estava com liberação mínima de 300 litros por segundo, pois os rios Salgado e Jaguaribe estavam com água em seu leito por causa das chuvas, mas agora que as chuvas cessaram e o leito tende a secar, tivemos que ampliar para 1.400 litros por segundos”, explicou. “Essa é a razão da mudança”.

Com informações do Diário do Nordeste.

Bombeiros de Iguatu recebem doação de álcool do IFCE

A 1ª Companhia do 4º Batalhão de Bombeiros Militares de Iguatu recebeu doação de álcool líquido em gel do Instituto Federal de Educação (IFCE), campus Iguatu. Foram doados 10 litros de álcool a 80% glicerinado e 40 litros em gel a 70%.

O produto foi fabricado neste mês de junho e foi resultado de uma ação emergencial de combate ao coronavírus no Ceará. Newdmar Fernandes, chefe do Departamento de Pesquisa, Extensão e Produção, explica que a produção e doação de álcool faz parte de um projeto do campus em parceria e com o apoio da empresa BR Distribuidora e do Exército Brasileiro.

“Trata-se de uma união de esforços visando contribuir no combate à Covid-19”, explicou. “Estamos contribuindo com a sociedade nesse momento difícil”.

O professor do IFCE, campus Iguatu, Francisco Avelino, explica que a verba para fabricação do material advém do Ministério da Educação e que contemplou vários campi do IFCE para a confecção e distribuição de álcool 70%, seja na forma líquida ou em gel para o sistema de saúde pública.

“Nós recebemos álcool 96% produzido pela BR Distribuidora e entregue pelo Exército, além de outros insumos como o carbopol, utilizado na fabricação de álcool em gel e a glicerina utilizada na produção do álcool glicerinado”, disse Avelino.

A produção contou com a participação de dois estudantes do curso de licenciatura em Química, Alan Karlos (5º semestre) e Luiz Fernando (4º semestre) e de dois técnicos de laboratório, Jordânia Melo e Luís Carlos.

O produto foi elaborado seguindo os padrões mínimos de Boas Práticas de Fabricação e atendendo os padrões de qualidade requeridos para o uso pretendido, de acordo com o estabelecido pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

O álcool líquido 70% é utilizado para higienização de superfícies e o álcool 80% glicerinado é utilizado alternativamente ao álcool em gel, visto que a glicerina atuará como umectante, evitando o ressecamento da pele causado pelo produto.

Com informações do Diário do Nordeste.

Ceará tem quase 86 mil pessoas recuperadas do coronavirus

O Ceará ultrapassou os 110 mil casos confirmados da Covid-19, conforme dados da plataforma IntegraSUS atualizados às 12h02 desta terça-feira (30). Com 110.446 diagnosticados positivos no estado, o número de mortes pela doença é 6.124. Nesta última segunda-feira (29), o Ceará ultrapassou os 6 mil óbitos por complicações do novo coronavírus.

O IntegraSUS indica que 85.938 pacientes já se recuperaram da Covid-19 no estado. 63.267 casos são apontados como suspeitos, em investigação. Já foram realizados 272.574 testes para detectar o Sars-CoV-2 no Ceará.

Com informações do G1 Ceará.

Professor cearense participa da elaboração de dicionário com termos sobre o coronavírus

Homem é executado com vários tiros no bairro Campo Novo, em Quixadá; segundo homicídio em menos de 48 horas

Um homicídio a bala foi registrado no final da manhã desta terça-feira (30), no bairro Campo Novo, em Quixadá. Na noite do último domingo (28), um jovem foi assassinado com vários tiros no bairro Campo Velho.

De acordo com informações, um homem conhecido popularmente como “Tati” foi assassinado com vários tiros nas proximidades da praça do bairro Campo Novo. Ainda não há informações sobre os autores dos disparos.

A Policia Militar esteve no local do crime para aguardar a chegada da perícia forense. O corpo da vitima foi levado pelo rabecão do Instituto Médico Legal (IML) de Quixeramobim.

Com informações do Monólitos Post.

Chuvas de junho ficam 17% abaixo da média no Ceará, aponta balanço parcial da Funceme

Relatório da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) apontou que as precipitações do mês de junho de 2020 ficaram 17,1% abaixo da média histórica. Nesta terça-feira (30), último dia do mês, as chuvas somaram 31,1 milímetros, quando o acúmulo normal para o período é de 37,5 milímetros.

O período que se inicia a partir do final de maio e se estende até meados de julho caracteriza-se como a Pós-Estação, segundo o órgão. Com o término da quadra chuvosa, quando a Zona de Convergência Intertropical (ZCIT) foi o principal sistema indutor de chuvas, a tendência é que as precipitações diminuam consideravelmente no segundo semestre do ano.

Apesar de o balanço ser parcial, o quadro não deve sofrer grandes alterações até o fechamento dos dados do mês.

Precipitações no Estado

Choveu em pelo menos 44 cidades do Ceará entre as 7 horas de segunda-feira (29) e as 7 horas de terça-feira. O maior acumulado foi registrado na cidade de Canindé, a 115 km de Fortaleza, com 56 milímetros. As precipitações foram provocadas por áreas de instabilidade que se formam próximo à costa do estado entre domingo (28), e segunda. O cenário refletiu a previsão do tempo apontada no começo da semana.

Foi registrado precipitações também nas cidades de Paramoti com 55 milímetros; Itatira com 22 milímetros e São Gonçalo do Amarante com 21 milímetros.

As atuais condições meteorológicas apontam apenas para predomínio de nebulosidade variável em todas as macrorregiões do Ceará até a próxima quinta-feira (2), ou seja, sem tendência de precipitações.

De acordo com análise realizada pela Funceme na manhã desta terça, áreas de instabilidades seguem sobre o oceano Atlântico ao norte e ao leste do Nordeste, mas a tendência para as próximas 72 horas é que não provoquem chuva no estado.

Maiores chuvas por posto no dia: 

Canindé (Posto: Salitre) : 56.0 mm

Paramoti (Posto: Assentamento Papel) : 55.0 mm

Itatira (Posto: Lagoa Do Mato) : 22.0 mm

São Gonçalo Do Amarante (Posto: Siupe) : 21.0 mm

São Gonçalo Do Amarante (Posto: Cagado) : 18.0 mm

Meruoca (Posto: Camilos) : 17.4 mm

Alcântaras (Posto: Alcantaras) : 17.0 mm

Sobral (Posto: Boqueirao) : 16.4 mm

São Gonçalo Do Amarante (Posto: Santo Amaro) : 16.0 mm

Groaíras (Posto: Capim 1) : 15.8 mm

Chuvas acima da média entre fevereiro e abril

As chuvas no Ceará do período entre fevereiro e abril de 2020 ficaram acima da média. O resultado vai em acordo com a maior probabilidade indicada pela instituição em janeiro deste ano, que era de 45% de chances de precipitações acima do normal climatológica.

No trimestre, o acumulado foi de 652,6 milímetros, enquanto a média é de 510,1 mm, ou seja, 28% acima do normal climatológica. Considerando a distribuição de precipitações por macrorregiões, Cariri, no sul do estado, teve o saldo mais positivo: 41,2% acima da média.

Foi o melhor trimestre desde 2009. Já considerando os dados desde 2000, é o 3º trimestre mais chuvoso do Ceará, ficando atrás somente dos anos de 2009 e 2008.

Considerando ainda os três primeiros meses da Quadra Chuvosa, Moraújo, localizado na macrorregião do Litoral Norte, foi o mais chuvoso entre os 184 municípios do Ceará. Lá, o acumulado foi de 1.694 mm, o que representa um desvio positivo de 122,1%.

Açudes cearenses

O açude Castanhão, maior reservatório do Estado, está com 15,95 % da capacidade total. O Orós, na bacia do Alto Jaguaribe, tem 27,59 % de volume. Já o Banabuiú, localizado no município de mesmo nome, é outro importante açude cearense castigado pela seca: está só com 14,28 % de capacidade.

O Ceará tem 16 açudes sangrando e 57 com a capacidade acima de 90%, segundo dados da Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh).

Com informações do Diário do Nordeste.

Prefeitura de Acopiara recomenda uso de máscara para quem sair de casa

O uso de máscara protege a todos, uma vez que cria uma barreira que dificulta a disseminação do vírus por pessoas doentes. Isso também diminui a probabilidade de transmissão por assintomáticos (aqueles que, provavelmente, por não apresentarem sintomas, nem sabem que têm a Covid-19).

Por isso, se for preciso sair de casa, sempre use máscara!

Raio apreende maconha, crack, cocaína e comprimidos psicotrópicos em Iguatu

Raio apreende maconha, crack, cocaína e comprimidos psicotrópicos em Iguatu
Droga foi apreendida pelo Raio Foto Richard Lopes
Uma grande apreensão de drogas abandonadas ocorreu no domingo (28) , por volta das 10h40min, em Iguatu. Toda droga estava embalada e segundo a polícia e pertencia a uma facção criminosa.

Os raianos apreenderam quatro quilos e 700 gramas de maconha, 469 gramas de cocaína, 469 gramas de crack, 9 cartelas de artane com 15 comprimidos cada, totalizando 135 unidades e apetrechos para embalar a droga. Ninguém foi preso e a droga foi levada para a Delegacia Regional de Polícia Civil de Iguatu para procedimentos.

As informações são do correspondente Richard Lopes.

Estelionatário que cobrava até R$ 5 mil em troca de 'alô' em lives de cantores é investigado pela polícia no Ceará

Foto Emanuel Tadeu/Medow Promo
Um homem que se apresenta às vítimas como 'Júnior CDs' é suspeito de praticar o crime de estelionato em Fortaleza. De acordo com apuração do G1, o suspeito se passava por pessoas ligadas a cantores e empresários de forró para obter vantagem financeira em cima de pessoas que pagavam para receber 'alô' nas lives de música e terem suas marcas divulgadas pelos artistas.

A Polícia Civil do Ceará informou que foi registrado um boletim de ocorrência na Delegacia de Defraudações e Falsificações (DDF) referente à denúncia de estelionato. Em nota, a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) informou "um homem estaria aplicando golpes utilizando o nome de uma empresa de Fortaleza". O suspeito já foi identificado, segundo a polícia.

Vítimas e empresários apontaram Murilo Pompeu de Amorim Júnior como suspeito pelo crime. Conforme uma empresária, que preferiu não ter sua identidade revelada, há quase duas semanas ela pagou R$ 2 mil antecipados à Murilo em troca do cantor Xand Avião e a esposa dele, digital influencer Isabele Temóteo falarem sobre a marca dela durante uma live de São João.

"Foram 70 dias de loja fechada. Estava na expectativa por esta retomada e queria alavancar as vendas. Ele ligou dizendo que queria R$ 4.500, depois ficou em R$ 3.500. Paguei R$ 2 mil antecipado. Assisti a live toda e nada. Me prometeu que a Isabele Temóteo ia vestir cinco looks. Até que eu cansei. Agora eu soube que ele aplica esses golpes há cinco anos e a Polícia não prende esse cara. Quando eu disse que era um golpista ele ficou rindo de mim", contou a empresária. 

Murilo Pompeu negou às acusações e disse estar aguardando oficialmente a informação que há Boletim de Ocorrência contra ele: "Se chegar algo para eu resolver, eu resolvo. Nunca quis fazer mal a ninguém. Se alguém foi à delegacia denunciar, eles que interpretaram mal, se posicionou.

O cantor Xand Avião esclareceu por meio de um vídeo divulgado nas redes sociais que os nomes dele e da esposa, a digital influencer Isabele Temóteo, foram utilizados pelo estelionatário.

“Um fato desagradável, digamos assim. Tem um indivíduo usando meu nome e o nome da minha esposa para vender cotas de menções em shows, gravações de CDs, lives. Essa pessoa nunca trabalhou comigo, não sei quem é. Peço para as pessoas terem muito cuidado”, ponderou o cantor.

Histórico

A informação que 'Júnior CDs' aplica golpes há anos também foi destacada por Watila Oliveira, empresário da WS Shows. Conforme Oliveira, o nome do irmão, Wesley Safadão, também já foi utilizado indevidamente diversas vezes por Murilo Pompeu de Amorim Júnior.

"Esse Junior CDs faz isso há alguns anos, cobra, em média, R$ 5 mil. Na correria, acabamos deixando esta história para lá. Agora, uma prima me ligou dizendo que estava acontecendo de novo.

Fiz boletim de ocorrência contra ele semana passada. As pessoas chegam no escritório nos cobrando, dizendo que fechou com gente da nossa equipe e quando vamos ver se tratou de um golpe. Nós queremos Justiça contra ele, queremos ele seja preso", afirmou Watila.

Segundo a SSPDS, o caso permanece sendo apurado e "mais detalhes serão passados em momento oportuno para não atrapalhar as investigações".

Com informações do G1 Ceará.

Ceará chega a 110 mil casos confirmados de coronavirus, mortes em decorrência da doença já são 6.124

O Ceará chegou a 110.446 casos confirmados de Covid-19 e 6.124 óbitos pela doença, conforme dados da plataforma IntegraSUS atualizados às 12h02 desta terça-feira (30). O índice de 6 mil mortes em decorrência do novo coronavírus foi ultrapassado nesta segunda-feira (29).

Fortaleza concentra os maiores índices da infecção, com 35.307 diagnósticos positivos e 3.288 mortes. A capital está na fase 2 da reabertura econômica e a doença está evoluindo no interior do Estado. O prefeito Roberto Claúdio, no entanto, afirmou que o processo de retomada pode ser interrompido se os índices voltarem a crescer.

Sobral lidera as taxas de Covid-19 na Região Norte, com 6.566 registros e 228 óbitos. A cidade está em isolamento social rígido há 15 dias. O lockdown também foi adotado em Juazeiro do Norte, Iguatu, Tianguá, Crato, Barbalha e Brejo Santo.

Maracanaú e Caucaia seguem Sobral e Fortaleza no número de casos, com 3.621 e 3.598 confirmações, respectivamente. Na Região Metropolitana de Fortaleza, Caucaia tem 276 óbitos pela doença, e Maracanaú registra 214 mortes. 

O número de casos também se destaca nos municípios de Quixadá (1.872), Juazeiro do Norte (1.715), Acaraú (1.674), Camocim (1.609), Itapipoca (1.606), São Gonçalo do Amarante (1.587) e Maranguape (1.522).

Os dados também mostram que 85.938 pacientes ja se recuperaram da Covid-19 até então. A ocupação de leitos de UTI no Estado é de 72,38%, enquanto a de enfermaria está em 42,49%.

Já foram realizados 272.574 testes da detectar o Sars-CoV-2 no Estado. Há ainda 63.267 casos supeitos, em investigação. A mortalidade da doença no Ceará, proporção entre o número de casos e mortes, está em 5,5%. Há também 613 óbitos suspeitos.

Em relação ao último boletim epidemiológico, atualizado às 20h55 de segunda-feira (29), o acréscimo foi de 1.016 novos casos e 37 óbitos. 6 das mortes registradas ocorreram nas últimas 24h.

Os números apresentados pela Sesa fazem referência à disponibilidade dos resultados dos testes para detectar a presença dos vírus, o que não corresponde necessariamente à data da morte ou do início da apresentação dos sintomas pelo paciente. 

Com informações do Diário do Nordeste.

Brasil poderá ter distribuição de vacina de Oxford contra o coronavirus em janeiro de 2021

Foto AFP
É uma meta, mas ainda que esteja no campo das perspectivas, trata-se da pesquisa mais promissora até o momento no mundo: a realizada pela Universidade de Oxford em parceria com diversas instituições brasileiras. Em fase de testes em seres humanos no Brasil e no Reino Unido, a vacina de Oxford foi considerada pela OMS a candidata com melhor desenvolvimento dentre as mais de cem em andamento. Os resultados preliminares entre outubro e novembro serão decisivos para a distribuição de uma vacina contra o coronavírus já de dezembro deste ano para janeiro de 2021. Mas existe a possibilidade de que primeiras aplicações na população possam ser feitas antes mesmo da finalização dos estudos, trazendo a perspectiva ainda para 2020.

É o que a prevê a Maria Augusta Bernardini, diretora-médica da AstraZeneca Brasil. A empresa farmacêutica, com sede no Reino Unido, já está num esforço “de guerra” para a produção de bilhões de vacina nos próximos meses, uma vez se comprove eficácia da que está em estudo.

Maria Augusta falou na noite de segunda-feira (29), durante uma live com o Vijay Rangarajan, embaixador britânico no Brasil que está acompanhando de perto todos esses esforços entre as nações a partir da pesquisa científica. A reunião acontece no contexto em que a Universidade de Oxford, em parceria com diversas instituições brasileiras, desenvolve a pesquisa mais promissora para uma vacina contra a Covid-19. “Ao redor de outubro e novembro esperamos ter resultados preliminares. Caso sejam positivos de forma significativa, vamos, sim, avaliar com as autoridades se podemos ter uma autorização de registo em forma ‘de exceção’, para que a gente possa disponibilizar à população antes mesmo da finalização do estudo”, explica a médica.

Com informações do Diário do Nordeste.

Campanha de vacinação contra Febre Aftosa é prorrogada para 31 de julho

A primeira etapa de Campanha contra Febre Aftosa 2020 foi prorrogada até o próximo dia 31 de julho. A decisão foi acatada pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) após uma solicitação do Fórum Nacional de Executores de Sanidade Agropecuária (Fonesa), que apresentaram os índices parciais da Campanha muito abaixo do necessário, não alcançando 50%.

Segundo o documento do Fonesa, a Pandemia do novo Coronavírus afetou a adesão à Campanha. Com isso, o prazo de comprovação da vacinação pelo produtor rural também foi prorrogado para 31 de agosto de 2020. A prorrogação também acontece nos Estados de Alagoas, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí e Rio Grande do Norte.

A presidente da Adagri, Vilma Freire, reforça que a declaração da vacinação seja feita prioritariamente através do Portal do Produtor ou por meio do número de WhatsApp disponibilizado “excepcionalmente” para essa finalidade. Ambos os meios estão no site da Adagri (www.adagri.ce.gov.br ).

Parceira da Campanha, a Ematerce está com 243 funcionários trabalhando em regime de plantão online para garantir o sucesso dessa etapa.

Vírus G4: Descoberta de novo patógeno deve afetar o mercado de suínos

A adoção de medidas urgentes para monitorar pessoas que trabalham na criação de porcos. Esse é o principal alerta dos autores de uma pesquisa chinesa, publicada neste última  segunda-feira (29), sobre a descoberta do G4, um novo vírus capaz de se transformar em motivo de uma pandemia, como a Covid-19.

O anúncio foi feito por cientistas chineses, que identificaram um subtipo de vírus da gripe em porcos que apresenta potencial para gerar uma nova pandemia. O novo patógeno é variedade predominante do vírus influenza em fazendas de suínos na China desde 2016, em 10 regiões diferentes, e sua contenção requer medidas "urgentes", dizem os pesquisadores.

O grupo, liderado por Honglei Sun, da Universidade Agricultural da China, publicou uma descrição do vírus na revista científica "PNAS", da Academia Nacional de Ciências dos EUA. Classificado num estudo com a sigla "G4 EA" (genótipo 4 da variedade Eurásia/aviária), o vírus é um derivado do H1N1, grupo de vírus do qual um outro subtipo causou a pandemia de gripe de 2009, que matou cerca de 250 mil pessoas no mundo.

Um dos aspectos preocupantes do novo vírus, de nome provisório "G4 EA H1N1", afirmam os cientistas, é que ele já parece ter alta capacidade de infectar humanos, algo que surgiu de várias evidências.

Primeiro, o vírus tem estrutura biomolecular parecida com a variedade que causou a pandemia de 2009. Segundo, ele infectou bem células humanas cultivadas em laboratório. Terceiro, ele infectou bem furões, mamíferos que tem padrão de vulnerabilidade similar ao humano. E, por último, exames de anticorpos feitos em trabalhadores da indústria da carne suína mostraram que vários deles já haviam sido infectados pelo vírus.

De 338 operários que se submeteram ao teste, uma parcela de 35 (10,4%) apresentou anticorpos para o G4 EA H1N1. Entre os mais jovens, de 18 a 35 anos, a prevalência foi o dobro, de 20%.

O monitoramento de vírus em porcos faz parte de um trabalho de rotina da vigilância em gripe na China, já que esses animais são considerados os "caldeirões" biológicos onde tipos diferentes de influenza se misturam e adquirem novas características. Poucos vírus, porém, ganham o status de risco que o G4 EA H1N1 recebeu.

De 179 vírus de gripe suína identificados pelos cientistas entre 2011 e 2018, o G4 foi aquele apontado com maior risco de gerar uma epidemia em humanos.

"Controlar os vírus G4 EA H1N1 prevalentes em porcos e monitorar populações humanas, especialmente trabalhadores na indústria da pecuária suína, são medidas que devem ser implementadas com urgência", afirmam Sun e colegas no estudo.

Com informações do Diário do Nordeste.

Há quatro anos, Quixadá chorava pela partida de três PM’s que tombaram em defesa da sociedade

Era fim de tarde de uma quinta-feira, 30 de junho de 2016, e o barulho de sirenes de ambulâncias e viaturas davam o tom de que uma tragédia havia acontecido no município de Quixadá. Três policiais militares acabaram sendo mortos em serviço, durante uma troca de tiros com bandidos no distrito de Juatama, zona rural do município.

O sargento Francisco Guanabara Filho, o cabo Antônio Joel de Oliveira Pinto e o soldado Antônio Filho foram covardemente executados com vários tiros ao serem chamados para atender uma ocorrência que dava conta de que uma quadrilha fortemente armada preparava-se para assaltar um carro-forte na região. Além dos três policiais mortos, um quarto militar também acabou sendo atingido pelos disparos, mas sobreviveu e uma PM levada de refém pelos bandidos, mas liberada logo em seguida.

Naquele dia, o luto e a tristeza tomaram conta não só de Quixadá, mas de todo o Ceará. Veículos de comunicação de todo o estado estiveram por aqui, noticiando aquele triste acontecimento que acabara de acontecer e que jamais seria esquecido.

Hoje, 30 de junho de 2020, quatro anos depois daquele triste dia, restam as boas lembranças vividas ao lado dos três militares que infelizmente se foram e a saudade que ainda sufoca o peito dos familiares e amigos. A todos eles, a nossa solidariedade e agradecimentos por todos os relevantes serviços prestados a sociedade pelo Sargento Guanabara, Cabo Joel e Soldado Antônio Filho, ainda em vida.

Eternas Saudades.

Com informações do Monólitos Post.

Cearense Renato Aragão encerra contrato com a Rede Globo após 44 anos de emissora

Após 44 anos ligado a Rede Globo, com a produção de programas de entretenimento e especiais, o cearense Renato Aragão não terá seu contrato renovado pela emissora. O ator fez o anúncio nas redes sociais. 

"São novos tempos, novos parceiros, novos projetos e novos desafios. Minha grande parceira durante esses anos foi a Rede Globo, que me acostumei a chamar de minha casa. Mas diante a novos tempos e políticas internas de contratação, vamos iniciar uma nova fase de trabalhos contratuais", escreveu.

O artista também contou na publicação que está com novas oportunidades. "Tenho em minha vida profissional a fluidez e o equilíbrio, vou onde meu público espera que eu esteja e melhor ainda, onde não esperam, pois sempre gostei e gosto de surpreendê-los, e não será diferente nessa nova fase. Já estou com novas oportunidades de trabalho e novos tempos que estão prestes a iniciar", disse.

O último trabalho do artista na emissora ocorreu em 2017, com um ensaio de uma volta dos Trapalhões em formato híbrido. Em 1998, Renato estreou "A Turma do Didi", que foi exibido até 2010.

Outros artistas também encerarram o contrato com a Rede Globo em 2020, como Vera Fischer, Miguel Falabella, Zeca Camargo e José de Abreu.

Com informações do Diário do Nordeste.

Direito do consumidor: Saiba o que fazer em casos de cobranças excessivas

Foto Kid Júnior
Água e energia são considerados serviços essenciais. Ou seja, atividades que precisam ser mantidas diante das mais adversas circunstâncias, como é o caso da pandemia de Covid-19. As concessionárias calculam o valor da tarifa, de acordo com a localidade e as taxas de consumo. No entanto, segundo a Defensoria Pública do Estado, há casos recorrentes de consumidores que relatam a cobrança de valores exorbitantes.

A defensora pública Emília Nobre explica como identificar a presença de valores excessivos nas contas.

“Ao analisar as contas de água e de energia, o consumidor deve verificar se o consumo aferido naquele mês em m³ ou Kwh está próximo à média de consumo dos meses anteriores que consta na própria fatura, bem como deve verificar se não houve cobranças de taxas não reconhecidas pelo consumidor no descritivo da conta”, pondera.

Foi o que aconteceu com a auxiliar de laboratório Amanda Soares, que procurou a Defensoria para solucionar uma taxa de R$ 7 mil que a concessionária de energia elétrica estava cobrando.

“Moro em condomínio e durante algum tempo, realizava normalmente os pagamentos de energia. Um dado mês, recebi uma visita técnica da empresa justificando um erro nos valores mensais. Viram que tinha algo errado, mas eu não tinha conhecimento disso e exigiram o pagamento de uma multa de quase 7 mil reais. Procurei no mesmo dia a Defensoria Pública e conseguimos reduzir”, conta.

O medo de Amanda é comum: o de ter a energia cortada devido a falta de pagamento e ainda ter o nome negativado. Foi esse cenário que o nutricionista Carlos Eduardo de Matos teve de enfrentar.

“Certo dia, a Enel me pediu via Correios para fazer uma vistoria no meu medidor e eu autorizei. Segundo a concessionária, o medidor estava “violado” do lado de dentro e do lado de fora. Isso significava que os lacres estavam rompidos. Provavelmente aconteceu quando eu, sem dinheiro para pagar, tive minha luz cortada, mas pagando uma das contas, consegui religação de urgência por telefone. O funcionário da Enel ligou minha luz mas não lacrou o meu medidor por fora”, relata.

O rapaz procurou o Juizado Especial Cível e Criminal. “Recorri à Defensoria Pública e conseguimos que a empresa desistisse da cobrança indevida de mais de seis mil reais, fui até onde pude simplesmente porque sabia que não tinha culpa na situação”, afirma.

Para os consumidores com problemas similares, os Juizados Especiais podem ser grandes aliados. Eles têm o objetivo de garantir o acesso à justiça e minimizar a morosidade de demandas consideradas “pequenas causas”.

“Sempre que o consumidor não obtiver sucesso na solução administrativa do caso, deverá procurar a Defensoria Pública do Juizado Especial para ingressar judicialmente com pedido de revisão das faturas em patamar acima da média de consumo e substituição do equipamento de medição da concessionária, se for o caso”, explica Emília Nobre.
Cobranças na pandemia

Esse cenário pode ainda se agravar durante a pandemia.“A cobrança de faturas em patamar de consumo que destoa da média usual afeta financeiramente o consumidor e, em face da redução do atendimento presencial pelas concessionárias, dificulta a solução do problema, o que poderá perdurar por mais de uma fatura, ocasionar a negativação do CPF do titular e o corte no fornecimento do serviço essencial”, explica a defensora pública

O Código de Defesa do Consumidor assegura a adequada e eficaz prestação dos serviços públicos em geral, podendo o consumidor, em caso de cobranças abusivas e falha na prestação de serviços, buscar a reparação dos danos causados.

A Defensoria aponta ainda a importância do consumidor não descuidar dos valores do seu consumo, das reais condições dos aparelhos domésticos e da cobrança pelo consumo. Desconfiando de qualquer irregularidade, a empresa deve ser contatada e o acerto, realizado.

Com informações do Diário do Nordeste.

Ceará tem 65% das escolas públicas sem saneamento básico adequado

Foto Thiago Gadelha
Estudantes cearenses ainda não têm a certeza de quando poderão voltar a frequentar suas escolas de forma presencial, tampouco como isso deverá ocorrer, tendo em vista a disseminação da Covid-19. Contudo, um desafio estrutural antigo pode atrapalhar ainda mais a saúde dos alunos de certas unidades, em um contexto de reforço das medidas de higiene pessoal e coletiva.

Isto porque 65,56% das escolas públicas estaduais e municipais do Ceará não possuem todos os itens de saneamento básico, como indica um levantamento feito pela Instituição Melhor Escola, com base nos dados do Censo Escolar 2019. Em números totais, das 5.955 unidades de ensino públicas, 3.905 não têm toda a estrutura possível. No setor privado, o número é bem inferior: das 1.653 escolas mapeadas, 18,11% (299) apresentam condições similares.

O levantamento aponta que apenas 4,8% das instituições públicas têm carência de água potável; 65,56% delas não dispõem de tratamento de esgoto; e 20,6% não possuem coleta de lixo regular. No contexto de pandemia do novo coronavírus, a análise é um alerta para o retorno das atividades presenciais, conforme o sócio-fundador da Instituição Melhor Escola, Juliano Souza.

Alerta

"Existe essa preocupação com o saneamento básico para essa volta ser mais segura. Esses números mostram que a rede particular está mais preparada do que a rede pública", avalia Juliano, que acredita na necessidade do retorno para garantir o funcionamento da economia e do desenvolvimento estudantil.

Na análise dele, é preciso, inicialmente, ver quais instituições já apresentam saneamento básico adequado, além de garantir itens de higiene pessoal, a estrutura básica e o distanciamento necessário. "Vai haver maior restrição de alunos no prédio sem saneamento ou fazer algum investimento para solucionar esse problema ou pensar em utilizar outros prédios", sugere, e completa: "sei que não é simples fazer tudo isso, mas tem que ter formas de verificar, pois há muitas possibilidades".

Em nota, a Secretaria da Educação do Ceará (Seduc) informou que "está em fase de planejamento para o retorno às atividades presenciais" e, para tomar essa decisão, as medidas "incluem o acompanhamento da estrutura das escolas no que se refere ao saneamento básico para promover as condições necessárias", informa.

Segundo a Pasta, no Censo Escolar de 2019, 99% das unidades de ensino da rede pública estadual possuem tratamento de esgoto. "Com relação à água potável, a Secretaria informa que as escolas contam com esse serviço", diz o órgão.

Na semana passada, a titular da Seduc, Eliana Nunes Estrela, afirmou ao Diário do Nordeste que propôs a um Comitê formado pela entidade que o retorno às atividades presenciais ocorra em agosto, ainda sem data definida. O plano de retomada deve considerar a condição sanitária dos municípios, as especificidades de cada etapa de ensino e a garantia de verbas para estruturar as demandas de higienização.

Cuidados

Na visão do infectologista Robério Leite, o saneamento básico em escolas além de essencial nesse contexto de pandemia, é um desafio das áreas mais carentes, pois "um dos pilares do enfrentamento do vírus é a higienização das mãos". O especialista ressalta, porém, que os coronavírus são excretados pelas fezes, ou seja, está no esgotamento sanitário, mas "a ciência não sabe ainda a capacidade de transmissão por essa via", explica.

"Imagina um vírus que é eliminado de maneira prolongada, e isso vai atingir o esgotamento sanitário, podendo contaminar o ambiente se não tiver boas condições. Não está provado ainda, mas a capacidade de transmissão por essa via parece não ser muito importante, mas não pode ser excluída", avalia Robério Leite.

A EEFM Santo Amaro, no bairro Bom Jardim, em Fortaleza, é uma das instituições de ensino que não possuem esgotamento sanitário ligado à rede estadual. "A escola fica entre duas ruas, nenhuma tem sistema de esgoto. A frente da escola fica pra Rua Nova Conquista, mas a água toda que sai da pia da cozinha é jogada na rua detrás", conta o diretor do colégio, Marcos Matias.

Segundo o gestor da escola, a preocupação é com a população que mora ao redor, pois o esgoto não afeta tanto os trabalhos internos. Apenas em alguns raros momentos. "Quando entope, tem que fazer um trabalho preventivo nas instalações internas, aquele mau-cheiro daquela água que deveria ir direto para o esgoto acaba voltando e minando alguns pontos da escola", explica.

O Diário do Nordeste procurou a Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece) para saber o porquê de as ruas não terem ligação sanitária à rede de esgoto e se há algum projeto para a inclusão desse trecho do bairro nesse sentido. O órgão informou que enviará equipe técnica à Escola de Ensino Fundamental e Médio (EEFM) Santo Amaro para realizar estudo planaltimétrico com o objetivo de verificar a possibilidade de interligar o equipamento à rede de esgotamento sanitário disponível na área.

Apesar dos problemas no esgoto, Marcos Matias afirma que a coleta de lixo na região é regular e a água utilizada na instituição é potável. Água, inclusive, que, com a higienização adequada, será um dos pontos-chave para garantir o retorno saudável às atividades presenciais, conforme explica o infectologista Robério Leite.

Para ele, "embora crianças e adolescentes não sejam tão afetados do ponto de vista de gravidade da doença - ainda que raramente isso pode acontecer -, o problema é eles serem infectados e levarem para casa e para as pessoas de risco", afirma Marcos Matias, gestor da escola do bairro Bom Jardim.

Com informações do Diário do Nordeste.

Ceará registra pior saldo de empregos para o mês de maio desde 2004

A pandemia segue gerando impactos diretos no mercado de trabalho cearense. Segundo o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), o Ceará fechou 37.389 vagas de trabalho formal nos primeiros cinco meses deste ano. Além disso, com um saldo negativo de 9.476 empregos encerrados, o Estado registrou o pior desempenho para o mês de maio desde 2004, de acordo com o analista de mercado de trabalho do Instituto de Desenvolvimento do Trabalho (IDT), Erle Mesquita.

Com os resultados indicados, o Ceará apresentou o segundo pior resultado mensal do Nordeste e o terceiro pior da Região considerando o período de janeiro a maio deste ano. Com relação a maio, o Estado ficou atrás apenas da Bahia, onde 17.033 empregos foram encerrados. Quando a análise é feita sobre os cinco primeiros meses do ano, Pernambuco, que fechou 63.558 vagas, e Bahia, onde 56.218 empregos foram encerrados, apresentaram um desempenho pior do que o Ceará.

Segundo o analista de mercado do IDT, o resultado de maio do Caged no Ceará é reflexo da redução da atividade econômica causada pela crise do novo coronavírus, que forçou empresas a fecharem ou a mudarem a dinâmica relativa aos funcionários. Mesquita explicou que o saldo negativo foi puxado pela redução no número de admissões mensais, uma vez que as demissões ficaram abaixo do patamar esperado para o mês de maio, apesar da pandemia.

"Em média, no Ceará, temos 30 mil admissões por mês, ou seja, estamos operando com metade do número normal, mesmo considerando os períodos sazonais. Mas tivemos muitas empresas fechadas e ainda estamos reabrindo, com outras empresas operando com horário restringido, então devemos ter uma recuperação lenta. A pandemia mudou o fluxo", disse.

Reformulação

Erle ainda destacou que a recuperação econômica precisará ser aliada a uma reformulação de políticas de apoio dos trabalhadores. Ele apontou que mesmo antes da pandemia o Ceará vinha registrando uma alta taxa de desemprego, com redução da massa salarial disponível. Além disso, segundo Mesquita, a perda de direitos trabalhistas também é uma preocupação durante o período de recuperação econômica.

"É um quadro muito adverso, e para sairmos disso teremos de ter um diálogo muito grande para que se monte um plano para recuperar empregos sem retirar diretos, para que se leve a um crescimento econômico muito mais sustentável", apontou Erle.

Com informações do Diário do Nordeste.

segunda-feira, 29 de junho de 2020

Casos de coronavirus no Ceará chegam a 109.430; mortes estão em 6.087

O Ceará registra 109.430 casos confirmados da Covid-19, infecção causada pelo novo coronavírus SARS-CoV-2, e 6.087 mortes em decorrência da doença, segundo dados da plataforma IntegraSUS, atualizados pela Secretaria da Saúde do Estado (Sesa) até às 20h55 desta segunda-feira (29).

Fortaleza ainda é a cidade com maior circulação do novo coronavírus, acumulando 35.157 casos e 3.273 óbitos pela doença. Em seguida, vêm Sobral, com 6.504 casos e 225 óbitos, e Maracanaú, na Região Metropolitana (RMF). Esta última contabiliza 3.611 casos e 212 óbitos. 

A letalidade da doença, no momento, está em 5,6%. Em todo o Estado, 62.766 casos suspeitos de coronavírus estão sendo investigados e 269.405 pessoas já foram testadas. 

Os dados também mostram que 84.142 pacientes receberam alta hospitalar ou se curaram da Covid-19 até então. A ocupação de leitos de UTI no Estado é de 70,89%, enquanto a de enfermaria está em 42,73%.

Em relação ao último boletim epidemiológico desse domingo (28), quando o Ceará marcou 107.593 resultados positivos para a Covid-19 e 5.995 mortes, o acréscimo em 24 horas foi de 1.837 novos casos e 92 óbitos. 

No entanto, os números apresentados pela Sesa fazem referência à disponibilidade dos resultados dos testes para detectar a presença dos vírus, o que não corresponde necessariamente à data da morte ou do início da apresentação dos sintomas pelo paciente. 

Com informações do Diário do Nordeste.

Vacina chinesa contra coronavírus mostra resultados promissores em testes com humanos

O grupo farmacêutico chinês China National Biotec Group (CNBG) afirmou, neste último domingo (28), que os testes em humano para uma possível vacina contra o novo coronavírus tiveram resultados positivos em relação a segurança e eficácia do insumo. Essa é segunda vacina candidata do laboratório a apresentar uma resposta encorajadora no combate ao vírus em um ensaio clínico. 

No ensaio clínico de fase 1 e 2, desenvolvido em uma unidade de Pequim do laboratório chinês, houve produção de anticorpos de alto nível nas 1.120 pessoas saudáveis inoculadas.

Pequim também aumentou a capacidade de testes e já aferiu cerca de um terço da população da capital chinesa até agora, disse uma autoridade municipal neste domingo, enquanto os governos tentam controlar um surto decorrente do mercado atacadista em meados de junho. Até o meio-dia deste domingo, Pequim já havia coletado 8,29 milhões de amostras de pacientese completado 7,69 milhões de testes, disse Zhang Qiang, funcionário do comitê municipal de Pequim, em entrevista coletiva.

Pequim registrou seu primeiro caso do surto no mercado de Xinfadi no dia 11 de junho e 311 pessoas na cidade de mais de 20 milhões de habitantes testaram positivo para o vírus desde então. Segundo Zhang, os testes estão sendo realizados em lotes e incluem trabalhadores do mercado e moradores dos bairros vizinhos.

Estudantes, equipe médica da linha de frente e trabalhadores das indústrias de transporte, bancos, supermercados, entregas expressas e salões de beleza também serão testados. Zhang acrescentou que a capacidade diária de testes de Pequim aumentou para 458.000 por dia.

Com informações do Cnews.

Ótima Notícia: Acopiara tem 160 pessoas recuperadas de coronavirus

O número de pessoas recuperadas de coronavirus chegou a 160 em Acopiara, segundo números divulgados na tarde desta segunda-feira (29), pela Secretária da Saúde do Municipio.

A cidade conta ainda com 234 casos confirmados do novo coronavírus e 17 mortes.
 

Fortaleza sonda vice-artilheiro do Campeonato Paulista

O Fortaleza tem interesse em mais um atacante para a temporada de 2020. Em entrevista ao canal do jornalista Jorge Nicola no YouTube, Diogo Silva, empresário do atacante Júnior Todinho, revelou que o clube cearense buscou informações sobre o ex-atleta do Guarani, com o qual não renovou seu contrato, estando livre no mercado desde o fim de abril.

Porém, Diogo, também empresário do meia Jean Mota, explicou que uma possível negociação com o jogador do Guarani só deve andar depois de definir a situação do atleta do Santos, outro por quem o Leão do Pici tem interesse.


"Marcelo Paz mostrou interesse no Todinho. Ficamos de conversar. Como estamos fazendo duas operações e, teoricamente, a do Jean é mais complicada, temos que fazer o 1º negócio pra depois fechar o 2º", contou o empresário de ambos os jogadores. O Fortaleza procura conseguir o retorno de Jean através de empréstimo.

Todinho é o vice-artilheiro do Campeonato Paulista, com 6 gols em 9 jogos, somente um atrás de Ytalo, do RB Bragantino. Com 26 anos de idade e 1,71cm de altura, o atacante pode atuar em todos os lados do setor ofensivo, onde tem se destacado mais na função de centroavante. Antes do Guarani, teve passagens pelo Cuiabá e pelo Vitória.

Com informações do Diário do Nordeste.