quinta-feira, 2 de abril de 2020

"Já estamos avaliando a prorrogação do decreto para as pessoas ficarem em casa", diz Camilo Santana

O governador do Ceará, Camilo Santana, disse na noite desta quinta-feira (2), que está avaliando a prorrogação do decreto estadual que proíbe o funcionamento de estabelecimentos não essenciais, como bares, igrejas, restaurantes, barracas de praia, shoppings, cinema, lanchonetes, entre outros. A medida tem o objetivo de impedir que a pandemia do novo coronavírus se espalhe pelo Estado. 

"Estamos avaliando a prorrogação desse decreto para as pessoas ficarem em casa. É uma travessia longa e precisamos estar todos unidos. Faremos isso com muita responsabilidade e com muito respeito aos cearenses", disse o governador através das redes sociais.

O decreto estadual foi publicado no dia 19 de março e já foi prorrogado uma vez até o próximo domingo (5).

O descumprimento das medidas prevê multa diária de até R$ 50 mil.

Com informações do Diário do Nordeste.