quarta-feira, 11 de dezembro de 2019

Mecânico vestido de mulher é preso ao tentar fazer prova do Detran no lugar da mãe em Roraima

Um mecânico de 43 anos foi preso na terça-feira (10), ao se vestir de mulher para tentar fazer, no lugar da mãe, uma prova prática do Departamento Estadual de Trânsito (Detran) no distrito de Nova Mutum Paraná, a 106 Km de Porto Velho. 

Segundo a Polícia Civil, Heitor Márcio Schiave, que é proprietário de uma autoelétrica na capital, foi detido em flagrante por tentativa de estelionato e falsidade ideológica. Para fazer o exame, ele vestiu saia longa e passou maquiagem.

O Tribunal de Justiça de Rondônia (TJ-RO) confirmou que Heitor Márcio foi solto ainda no plantão, na Central de Flagrantes de Porto Velho. O advogado do suspeito entrou com pedido de liberdade, que foi aceito pelo juiz.

Como ele foi descoberto

De acordo com a Polícia Militar (PM), a desconfiança inicial partiu de uma servidora da comissão examinadora do Detran. Ela suspeitou que a pessoa que fazia a prova não era a mesma indicada no documento de identidade apresentado aos avaliadores.

O mecânico já estava dentro do carro fazendo a prova de baliza quando um outro servidor da autarquia chamou a Polícia Militar.

Ao chegarem no local da prova, os agentes constataram que Schiave tentava se passar pela mãe e lhe deram voz de prisão.

O mecânico, por sua vez, disse aos policiais que a mãe estava no distrito de Triunfo, em Candeias do Jamari (RO), e não sabia que o filho tentaria usar a identidade dela para fazer o exame de direção. O mecânico, então, foi levado à Central de Polícia em Porto Velho.

Com informações do G1.